Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Plano do Ecossistema de Inovação é apresentado em Criciúma

Proposta reuniu diferentes entidades, universidade, poder público e iniciativa privada sob a coordenação do Sebrae/SC
Redação Criciúma, SC, 01/12/2023 - 16:29
Foto: Divulgação/Decom
Foto: Divulgação/Decom

Quer receber notícias como esta em seu Whatsapp? Clique aqui e entre para nosso grupo

Após meses de trabalho intenso, Criciúma conheceu o Plano do Ecossistema de Inovação, apresentado na noite dessa quarta-feira (29), na Associação Empresarial de Criciúma (Acic). A iniciativa, idealizada pela Administração Municipal, por meio do Conselho Municipal de Inovação (CMI), em parceria com o Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae/SC), promete organizar o avanço da inovação, empreendedorismo e crescimento econômico sustentável em diferentes setores da região Sul de Santa Catarina.

O plano estabelece estratégias ambiciosas que promovam mais eficiência na competitividade local, enquanto cria bases sólidas para a sustentabilidade econômica. "Este é um passo crucial para posicionar Criciúma e a nossa região no mapa da inovação, atraindo e mantendo talentos e investimentos que vão impulsionar a nossa economia", afirmou o prefeito de Criciúma, Clésio Salvaro. O evento de apresentação e entrega do "Plano do Ecossistema de Inovação de Criciúma" reuniu empresários e representantes de instituições públicas e privadas.

Dentre as principais áreas de foco delineadas, destacam-se o apoio às startups e pequenas empresas, a criação de ambientes propícios à inovação, bem como a promoção de parcerias estratégicas entre o setor privado, órgãos governamentais e instituições educacionais. "A intenção é criar um ecossistema, no qual a colaboração e a troca de conhecimentos promovam o desenvolvimento", explicou o diretor de Desenvolvimento Econômico da Prefeitura de Criciúma, Aldinei Potelecki.

O CMI desempenhará um papel vital na implementação e acompanhamento das ações propostas pelo plano. "Ao mapear o ecossistema local de inovação, engajamos empresários, universidades, entidades e startups. Trabalhamos lado a lado para identificar os setores estratégicos, os pontos fracos e fortes, e definir os cinco eixos verticais que compreendem desde a estrutura de governança até a inovação aberta, promovendo a colaboração entre empresas já consolidadas e startups", ressaltou o presidente do Conselho Deliberativo do Sebrae/SC, Renato Campos Carvalho.

Os cinco principais eixos são: Economia Criativa, Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC), Química e Materiais, Indústria 4.0 e Sustentabilidade, com destaque para o fomento da economia criativa. O Sebrae/SC, como parceiro estratégico, contribuirá no suporte a micro e pequenas empresas, oferecendo capacitação e recursos para fortalecer o tecido empreendedor da região Sul de Santa Catarina. A expectativa é que a parceria resulte na expansão de negócios locais e na geração de novas oportunidades de emprego aos munícipes.

Para o analista de projetos do Sebrae/SC, João Alexandre Guze, o objetivo é acelerar e aprofundar o desenvolvimento da inovação buscando resultados tangíveis e uma estrutura mínima que permita às empresas locais utilizarem a inovação gerada na região carbonífera. "Queremos, assim, criar um ambiente favorável que mantenha talentos em nossa região e evite que percamos para outros ecossistemas mais desenvolvidos", frisou.

Quatro Meses de Trabalho Intenso e Participação Comunitária

O "Plano do Ecossistema de Inovação de Criciúma" é o resultado de um processo de quatro meses de trabalho que envolveu pesquisa, consultas e colaborações multi-institucional. "Workshops foram realizados para envolver representantes de setores-chave da comunidade, desde empreendedores locais até acadêmicos e líderes de organizações", complementou Guze.

Ele ressalta, ainda, que a entrega do plano não apenas comemora um marco significativo na trajetória de Criciúma, mas também sinaliza um compromisso duradouro com a inovação, a colaboração e o desenvolvimento sustentável. "Com uma visão clara delineada no Plano do Ecossistema de Inovação, Criciúma está preparada para enfrentar os desafios do futuro e transformá-los em oportunidades para todos", finalizou Guze.

Copyright © 2022.
Todos os direitos reservados ao Portal 4oito