Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
4

“Pés no chão” para a partida contra a Chapecoense, destaca Sueliton

Próspera encara a líder com possibilidade de consolidar de vez a permanência na divisão
Paulo Monteiro
Por Paulo Monteiro Criciúma - SC, 07/04/2021 - 09:38Atualizado em 07/04/2021 - 09:40
Foto: Lucas Colombo / EC Próspera
Foto: Lucas Colombo / EC Próspera

Em boa fase e já há três partidas sem perder, o Próspera entra na reta final do Campeonato Catarinense com grandes chances de permanência e possibilidades reais de classificação para a próxima fase. Contra a líder Chapecoense, no sábado, 10, o Time da Raça promete vir focado e com “os pés no chão”, segundo o lateral direito Sueliton.

“O instituto que o clube deseja hoje é a permanência na primeira. Viemos conversando bastante com todos os jogadores, principalmente com os mais jovens, para colocar os pés no chão. Temos três decisões pela frente, temos que encarar essas três decisões como os últimos jogos que faremos. Esperamos ir para Chapecó tentar pontuar, claro que é muito difícil, mas temos que entender que quando entramos para a batalha entramos para lutar e vencer”, declarou o Sueliton.

Mesmo com a Chapecoense isolada na liderança do campeonato e já classificada para a próxima fase, o lateral afirma que o jogo não será menos fácil. Sueliton destaca que mesmo nas partidas em que a equipe do oeste entrou sem titulares em campo, o desempenho foi forte e os jogos difíceis.

Uma vitória em cima da Chape, ou em qualquer um dos outros dois jogos da primeira fase, garantem a permanência do Time da Raça na divisão. Desde o início do campeonato, a equipe segue reforçando que a permanência é o principal objetivo, e o técnico Paulo Baier destaca o trabalho jogo a jogo para que isso se concretize.

Contra a líder, o Time da Raça deverá vir cauteloso, assim como vem fazendo nas últimas partidas, trabalhando forte nos contrataques e, também, nas bolas paradas - que estão rendendo bons resultados para o clube.

“É muito importante pontuar nesse jogo contra a Chape. É um jogo difícil, mas temos que ir com cautela, da mesma forma que temos feito com a maioria dos jogos, sendo inteligente, estudando o adversário e trabalhando a bola. Fisicamente a equipe está muito bem, precisamos transferir o que está sendo feito nesta semana para chegar em Chapecó muito bem preparados e quem sabe beliscar um ponto bacana”, afirmou.