Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Pavimentações, dívidas pagas e energia mais barata em Urussanga

Prefeito Luis Gustavo Cancellier fez um balanço de 2018 em entrevista ao Jornal das Nove
Por Erik Behenck Criciúma - SC, 27/12/2018 - 10:05Atualizado em 27/12/2018 - 10:17
(fotos: Erik Behenck)
(fotos: Erik Behenck)

Continuando a série de entrevistas do Jornal das Nove, com os prefeitos da região, nesta quinta-feira (27) foi a vez de Luis Gustavo Cancellier, chefe do Poder Executivo de Urussanga. De acordo com ele, 2018 foi positivo, inclusive batendo algumas metas estipuladas para 2019. Avanços na educação, saúde e economia foram destacados.

“Fizemos rodovias que eram esperadas há mais de 60 anos, como a ligação de Urussanga e Lauro Müller. Fizemos 1,3 km no interior com recursos próprios”, lembrou. “No início de 2018 conseguimos entregar a primeira escola em zona rural que atende de 6º ao 9º ano. Isso já no ano letivo, bem centralizado para atender a maioria das crianças”, emendou.

Segundo o prefeito, para economizar recursos e pagar dividas da antiga gestão, o quadro de funcionários da Prefeitura foi reduzido de mais de 800 para cerca de 660, voltando a aumentar após a casa ter sido colocada em ordem. Outra questão envolve a tarifa da energia elétrica, que é cara no município, porém, em breve a situação deverá melhorar para os empresários.

“Nós temos a maior tarifa de energia elétrica de Santa Catarina e a quarta do Brasil, então perdemos a chance de receber indústrias. Pensamos em colocar uma área industrial, com abastecimento por parte de uma cooperativa. Já deve estar recebendo empresas em até 120 dias. Vamos ter a capacidade de dar uma energia barata ao empreendedor”, contou.

Confira a entrevista na íntegra: