Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Lula recebe 12 anos e um mês de condenação

Decisão unânime aumentou a pena anterior, proposta por Sérgio Moro
Por Redação Porto Alegre - RS, 24/01/2018 - 18:37Atualizado em 24/01/2018 - 18:38

Após mais de 8h de julgamento, o ex-presidente do Brasil, Luiz Inácio Lula da Silva, foi condenado por unanimidade, pelos desembargadores da 8ª Turma do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4), em Porto Alegre. A pena que antes era de 9 anos e 6 meses, agora passou a ser de 12 anos e 1 mês.

Votaram no julgamento, o relator João Pedro Gebran Neto, o revisor, Leandro Paulsen e o desembargador Victor dos Santos Laus. A prisão só deverá ser realizada após esgotarem as possibilidades de recursos, e inicialmente será em regime fechado.

Para os desembargadores, Lula recebeu propina da OAS, por meio do tríplex do Guarujá (SP). A Petrobras também teve destaque, sendo fundamental num esquema que desviava recursos para o Partido dos Trabalhadores (PT). Embora o político não tenha tomado posse do imóvel, apenas a promessa de que seria seu foi constatada como prova. 

A condenação não impede a candidatura de Lula à Presidência da República. Mas, só será possível após manifestação do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Para completar, o político foi multado em R$ 1,01 milhão.

Além de Lula, o presidente afastado da OAS, Léo Pinheiro e o ex-diretor da área internacional da OAS, Agenor Franklin Magalhães Medeiros foram julgados. A dupla recebeu 3 anos e 6 meses e 1 ano e 10 meses de pena de prisão, respectivamente.