Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Latam reforça comunicado sobre suspensão em Jaguaruna

Companhia recebeu nesta sexta-feira o documento que a ampara na questão da segurança para voos no Regional Sul
Denis Luciano
Por Denis Luciano Jaguaruna, SC, 17/05/2019 - 16:59Atualizado em 17/05/2019 - 17:04
Arquivo / 4oito
Arquivo / 4oito

Quem for ao site da Latam agora, poucas horas depois da confirmação da liberação do documento que faltava para a companhia voltar a operar pelo Aeroporto Regional Sul, ainda encontrará disponibilidade de assentos somente a partir de 16 de junho com partida em Jaguaruna e destino a São Paulo.

A assessoria de comunicação da empresa reforçou na tarde desta sexta-feira o conteúdo do comunicado expedido há alguns dias, reforçando a suspensão dos voos por falta de garantias de segurança em Jaguaruna até o dia 15 do mês que vem.

A LATAM Airlines Brasil informa que estão suspensas suas operações em Jaguaruna (SC) até 15 de junho.

 

A medida, totalmente alheia à vontade da companhia, foi necessária em virtude da suspensão do Serviço de Prevenção, Salvamento e Combate a Incêndio (SESCINC). O serviço é um item de segurança fundamental para a operação da LATAM.

 

A LATAM retomará as operações na localidade somente quando contar com condições seguras de operação no aeroporto, com a atuação adequada da brigada de incêndio. A segurança é um valor imprescindível para a LATAM e todas as suas decisões visam garantir uma operação segura.

 

A companhia lamenta os possíveis inconvenientes que esta situação, alheia à sua vontade, possa causar. Os passageiros afetados pela suspensão podem efetuar a remarcação ou reembolso integral de seus bilhetes sem custo adicional.

 

Em caso de dúvidas, os clientes podem entrar em contato com o Call Center da LATAM pelos telefones 4002-5700 (nas capitais) ou 0300-570-5700 (nas demais localidades do Brasil).

O detalhe atual sobre o conteúdo exposto acima é que esse comunicado, que até então encontrava-se em destaque no site da Latam, não tem mais o mesmo realce.

A liberação

No documento emitido pela Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) e repassado nesta sexta para a Latam e a RDL Aeroportos, gestora do Regional Sul, está expresso que o aeródromo de Jaguaruna encontra-se em condições técnicas de dar a necessária assistência. Desde segunda-feira estão atendendo no local os quatro bombeiros destacados pelo Governo do Estado com o devido treinamento para combater incêndios em aeronaves.

"Estamos no aguardo do posicionamento da Latam. O impedimento que existia, não há mais", frisa o diretor comercial da RDL, André Constanzo. A Latam está sem operar no Regional Sul desde 12 de abril. De lá para cá, deixou de movimentar mais de 300 passageiros por dia.