Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Kleina reclama das lesões e pensa que o justo era 1 a 1

Treinador acredita que é preciso de sequência para que time engrenar
Erik Behenck
Por Erik Behenck Criciúma - SC, 01/06/2019 - 18:46Atualizado em 01/06/2019 - 19:57
Divulgação
Divulgação

O Criciúma perdeu para o Botafogo-SP por 1 a 0 na tarde deste sábado (1º) e o resultado foi injusto. Ao menos este é o pensamento do técnico carvoeiro, Gilson Kleina. “No intervalo a gente conversou e mudou a plataforma de jogo, então foram 50 minutos do Criciúma no campo de ataque. Eu acho que seria justo 1 a 1”, disse durante a entrevista coletiva.

O treinador reclamou que a equipe vem sofrendo com lesões, o que dificulta a sequência. Neste jogo Sandro saiu lesionado nos primeiros minutos. “Nós estamos levando uma fase ruim nas lesões então não conseguimos dar sequência com uma equipes que estamos almejando. Temos mais dois jogos antes da parada para a Copa, e vamos tentar achar a plataforma de jogo”, comentou.

O treinador lembrou que a equipe jogou com uma linha de cinco defensores durante pouco tempo. Falou ainda sobre Daniel Costa. “Tomamos conta do meio de campo, trabalhamos e movimentamos. Em determinado momento com dois atacantes de mobilidade e depois com o Lucio Flávio”, citou. Concluiu dizendo que gostou do modelo de escalação.

O próximo jogo do Criciúma será no próximo sábado (8), às 16h30, contra o Vila Nova, no Heriberto Hülse.