Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
4

Hemerson Maria chama a responsabilidade pela derrota

Técnico do Tigre iniciou jogo contra a Juventus com formação diferente da estreia
Marciano Bortolin
Por Marciano Bortolin Criciúma, SC, 27/02/2021 - 18:37Atualizado em 27/02/2021 - 18:38
Foto: Celso da Luz/Criciúma E.C.
Foto: Celso da Luz/Criciúma E.C.

O técnico Hemerson Maria iniciou optou por uma mandar a campo contra o Juventus, uma formação diferente na busca pelo resultado positivo. Porém, a escolha não deu certo e o comandante do Tigre chamou a responsabilidade pela derrota por 2 a 0. “Começamos no sistema que jogamos a pré-temporada. Hoje de manhã, quando vi que choveu bastante, defini por um time mais forte na boal aérea, com ligação direta e depois dentro da circunstância voltamos a atuar da maneira que jogamos contra o Hercílio Luz e tivemos três ou quatro oportunidades no segundo tempo e no primeiro, apenas uma clara. A equipe criou, faltou um pouco de eficiência, não serve como desculpa. Poderíamos ter um resultado melhor. Os jogadores fizeram o que foi trenado, mas infelizmente tem dia que o resultado não vem”, salienta.

O técnico ainda falou que a equipe pode render mais no decorrer da competição. “Imaginávamos dificuldades. Vamos dar moral para os atletas, não entrar em desespero. Conheço o campeonato, sei das dificuldades e do que o meu elenco é capaz. Um elenco formatado a dedo, tanto a comissão técnica quanto os jogadores podem render mais ara dar alegria ao torcedor. É um início que sabíamos que seria difícil, mas que poderia ser melhor. Hoje, na pior das hipóteses um empate, o gol no final foi cruel e decretou a nossa primeira derrota”, destaca.