Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Governador abre Encontro de Segurança que discute avanços na área

Ministro-chefe da Secretaria Geral da Presidência participa do evento em Florianópolis
Por Redação Florianópolis, SC, 11/09/2019 - 20:55
Fotos: Maurício Vieira / Secom
Fotos: Maurício Vieira / Secom

Cortar despesas supérfluas para que o Estado invista mais em áreas essenciais, como a segurança pública. Esta é uma das lições de casa que o Governo de Santa Catarina vem fazendo desde que assumiu, como lembrou o governador Carlos Moisés na tarde desta quarta-feira, 11, durante a abertura do 1º Encontro Estadual de Segurança: SC mais Segura, realizado em Florianópolis. O evento tem a participação do ministro-chefe da Secretaria Geral da Presidência da República, Jorge Oliveira. 

Moisés mencionou ações como a venda do avião usado pelo governador, que diminui em 95% as despesas anuais com deslocamento aéreo, o uso de ferramentas digitais para agilizar e reduzir gastos na administração pública e o aprimoramento dos processos licitatórios.

“Somos um governo digital, inovador não só na tecnologia, mas nas ideias. Nossas ações nos permitem dizer que não temos acertos com ninguém, e nem favorecimentos para quem quer que seja. O dinheiro que economizamos é aplicado onde mais precisamos, como a segurança pública”, destacou.

De acordo com o governador, o novo modelo de gestão, por meio de um Colegiado Superior de Segurança Pública e Perícia Oficial, formado pelos líderes dos órgãos afins, já está aproximando as instituições entre elas e com a sociedade. “A eliminação do cargo de secretário de Segurança Pública, que costumava ser oferecido a um político, trouxe as instituições para mais perto do poder decisório, e isso tem se mostrado muito importante”, relatou.

Encontro Estadual de Segurança

O Encontro Estadual de Segurança é realizado pela Federação das Associações Empresariais de Santa Catarina (Facisc) e pela Polícia Militar e vai até o fim do dia no Hotel Majestic, em Florianópolis, reunindo empresários e oficiais militares de todo o Estado. A iniciativa partiu de levantamento feito pela Facisc, que apontou a segurança pública como uma das prioridades da população.

“Este encontro tem um propósito muito especial. É o momento de deixar evidente a percepção de que segurança pública e prosperidade são duas perspectivas do Estado absolutamente indissociáveis”, frisou o comandante-geral da Polícia Militar e presidente do Colegiado Superior de Segurança Pública e Perícia Oficial, coronel Carlos Alberto de Araújo Gomes.

O presidente da Facisc, Jonny Zulauf, enalteceu as parcerias que as associações empresariais dos municípios costumam fazer com as polícias e destacou a importância de um evento que una, em uma discussão, representantes do Estado e do setor produtivo. “Estamos entre os três estados mais seguros do Brasil para se viver, e isso é motivo de orgulho para todos nós. É resultado de uma integração entre a iniciativa privada e a área pública. Queremos continuar caminhando juntos”, afirmou.