Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

"Fui assaltado e esfaqueado", disse estudante da Unesc morto no Paraná

Gabriel Batista de Souza, de 21 anos, foi morto com uma facada na madrugada da última quinta-feira
Por Lucas Renan Domingos Criciúma, SC, 03/11/2018 - 07:45
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

O estudante de Bacharelado em Teatro da Universidade do Extremo Sul Catarinense (Unesc), Gabriel Batista de Souza, de 21 anos, foi morto na madrugada da última quinta-feira, no Estado do Paraná. O jovem estava visitando a avó na cidade de Cascavel quando foi encontrado por um casal ferido com um golpe de faca do lado esquerdo do tórax.

Uma guarnição do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionada pelo casal e os socorristas ainda tentaram reanimar a vítima, que acabou não resistindo e morreu no local. De acordo com a Delegacia de Homicídios da Polícia Civil do município, o caso segue sobre investigação, mas ainda não há evidências sobre a motivação do crime.

Em um release divulgado para a imprensa e postado no portal CGN, a Polícia Civil relatou que “O casal disse ter conversado com a vítima alegando que esta teria dito ‘fui assaltado e esfaqueado’, e pediu para ser levado ao UPA Brasília, mas que não presenciaram os fatos citados pela vítima. Diligências realizadas no local pelas equipes policiais localizaram manchas de sangue nas proximidades, uma bolsa que seria da vítima, e uma faca presumivelmente utilizada no ato criminoso. Os materiais encontrados foram entregues para o Perito Criminal que procedeu ao exame pericial de local de crime”, traz o texto.

“Nas primeiras análises dos fatos, os policiais não puderam confirmar se tratar efetivamente de um crime de latrocínio, embora ainda não esteja descartada esta hipótese. Com as informações obtidas até o momento, ainda não se pode afirmar a motivação efetiva do crime, esclarecemos à sociedade, que, em início de investigações, todas as hipóteses são consideradas”, completa.

Unesc emite nota

A Unesc emitiu uma nota lamentando a morte do estudante. “Ainda consternados com a notícia da morte do estudante Gabriel Batista de Souza, a Unesc vem a público manifestar o seu sentimento de pesar neste momento de dor”, diz o conteúdo da nota. “A Unesc se solidariza com a família, colegas e amigos de Gabriel, unindo-se a todos nesta triste situação.

Por conta da perda prematura do jovem estudante, o Diretório Central dos Estudantes (DCE) João Baptista Rita Pereda declarou luto oficial neste dia”, finaliza.