Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
4

Duelo do Z-2: Criciúma recebe o Metropolitano buscando sair do sufoco

Tigre tem quatro pontos e pega o vice-lanterna, o Metrô, que tem cinco
Heitor Araujo
Por Heitor Araujo Criciúma, SC, 12/04/2021 - 15:18Atualizado em 12/04/2021 - 15:18
Foto: Celso da Luz / Criciúma EC
Foto: Celso da Luz / Criciúma EC

Nesta segunda-feira, 12, tem duelo mais do que decisivo no Heriberto Hülse, às 19h. Lanterna e vice-lanterna enfrentam-se para postular a saída da zona de rebaixamento na próxima rodada: o Tigre, com quatro pontos, pode ultrapassar o Metropolitano, com cinco, e ficar a um jogo de deixar o Z-2.

Após uma classificação com contornos heróicos contra a Ponte Preta na última quinta-feira, nas penalidades, o técnico Wilsão aposta, entre outras armas, na motivação para o Tigre deixar a zona de rebaixamento do Catarinense. Além de vencer nesta segunda, precisa na próxima rodada bater o Concórdia, que tem nove pontos, para deixar a situação desconfortável na tabela. 

Para o confronto desta segunda-feira contra o Metropolitano, o técnico não terá o meia Dudu Figueiredo, expulso contra o Marcílio Dias na última rodada. Em seu lugar, a principal alternativa é Pedrinho, que vinha sendo titular com Hemerson Maria, mas perdeu a vaga no time para a entrada de Uilliam Barros em Itajaí. 

"O Pedrinho é uma opção, outros atletas também, temos treinado para isso. O Claudinho era atacante na base, se precisar deslocar temos essa possibilidade, mas ele vem bem e pretendemos começar com ele na lateral", apontou Wilsão em coletiva concedida no domingo.

Quem também pode atuar no setor é Mateus Anderson, que vem em desgaste com a torcida e foi um dos jogadores sacados quando Wilsão assumiu o comando interino do Tigre: foi reserva nas últimas duas rodadas. Outra opção é João Carlos, autor do gol de empate contra o Marcílio Dias. 

Na defesa, Alisson está confirmado nas metas - outra alteração colocada em prática pelo novo técnico. O goleiro foi elogiado na coletiva pré-jogo. "O grupo está motivado, esperamos uma grande atuação e através disso conseguir um resultado fundamental para a sequência do Catarinense", projetou Wilsão.

Do lado do Metropolitano, o técnico Paulo Massaro, que chega à quinta rodada no comando do clube, após a queda de Dyego Coelho, terá o desfalque do zagueiro Lázio, suspenso pelo terceiro cartão amarelo.

O clube de Blumenau precisa da vitória para nutrir esperanças de deixar a zona de rebaixamento, que ocupa desde o início do Catarinense. A única vitória do time até o momento foi contra o Concórdia, na sétima rodada, por 3 x 1.

A bola rola às 19h e o Timaço da Rádio Som Maior entra em campo às 18h, ao vivo pelo 100,7 do FM ou no player do Portal 4oito. 

Ficha Técnica

Criciúma x Metropolitano, válido pela nona rodada do Catarinense

Horário: 19h

Local: estádio Heriberto Hülse

Arbitragem: Bráulio da Silva Machado, auxiliado por Helton Nunes e Alexandre Bittencourt

Criciúma: Alisson; Claudinho, Alemão, Philipe Maia e Hélder; Adenilson, Eduardo e Moacir; Pedrinho (Mateus Anderson) e Uilliam Barros. Técnico: Wilsão.

Metropolitano: Mártin Becker, Carlos Augusto, Artur Minota, Michel Rocha e Matheus Silva; Roberto, Jardel , Iberê , Jhonata e  Gustavo França; Daniel Bahia. Ténico: Paulo Massaro.