Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
4

Dizelda Coral: a primeira mulher vereadora de Criciúma 

Ela foi a convidada do programa Do Avesso desta quinta-feira, 30.
Vitor Netto
Por Vitor Netto Criciúma - SC, 30/01/2020 - 14:43

Atualmente duas das 17 cadeiras dos Vereadores de Criciúma são compostas por mulheres. Mas a responsável por abrir os caminhos das mulheres na política foi Dizelda Coral Benedet, a primeira mulher a ser eleita vereadora em Criciúma, em 1982. Ela foi a convidada do programa Do Avesso desta quinta-feira, 30. 

Dizelda estava dirigindo o Bairro da Juventude, quando criou uma nova estrutura organizacional da escola. "A imprensa sempre me respeitou e eu sempre fiz as coisas de maneira muito corretas. Diante disso eu fui convidada para ser candidata a vereadora", comenta. "A razão de eu aceitar foi por eu sempre conhecer a história da política e percebi quantos problemas em relação aos recursos que não eram passadas para as instituições", completa. 

O então prefeito José Augusto Hulse convidou para ser a líder do governo, quando atuou como Secretária Municipal de Saúde e Bem-Estar Social. Ela também foi diretora da Fundação Catarinense de Bem-Estar do Menor (FUCABEM), membro fundadora da Associação Feminina de Assistência Social de Criciúma (AFASC), presidiu a Associação Sul catarinense de Turismo (SULCATUR) e foi cidadã honorária de Criciúma. 

Atualmente ela desenvolve projetos na Associação de Estudos Humanos. "Nosso objetivo é levar o jovem a desenvolver componentes que estão latentes no seu encéfalo e ainda não foram despertados", explica. "Os jovens de hoje são muito tecnólogos e a razão de surgir algo inovador. Os jovens têm um potencial muito grande e não despertam para isso, se perdendo no caminho, mas quando descobrirem a sua grandiosidade interior podem despertar muito", complementa. 
 

Tags: politica dizelda