Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Confirmada a decisão sobre a macrorregional da Celesc em Tubarão

Daniel Freitas diz que a escolha foi feita, mas ainda não é definitiva
Por Erik Behenck Criciúma - SC, 18/02/2019 - 08:45Atualizado em 18/02/2019 - 11:00
(foto: Erik Behenck)
(foto: Erik Behenck)

 A macrorregional da Celesc será mesmo instalada em Tubarão, quem garantiu foi o deputado federal Daniel Freitas (PSL) em entrevista ao Programa Adelor Lessa. Segundo ele, o governador Carlos Moisés lhe ligou no último sábado (16) e informou a decisão, passando alguns detalhes. Mais informações serão passadas em uma reunião na terça-feira (19).

“Nessa conversa com o governo ficou muito claro que ele deu autonomia para os presidentes de empresas, assim como os seus secretários, para que cada um faça o seu trabalho da forma mais técnica possível e traga os melhores resultados para Santa Catarina, o caso da Celesc pelo que ele me passou, apesar de a decisão já estar tomada em relação a Tubarão, ela não é definitiva”, confirmou.

O deputado federal destacou que a medida vem preocupando os criciumenses, inclusive ele. Acredita que o quadro da Celesc não sofrerá redução em Criciúma, mas que ficará um degrau abaixo de Tubarão, onde as decisões para o Sul deverão ser tomadas. Lembrou que a Celesc é uma empresa e que a decisão foi tomada por seu presidente, Cleicio Poleto Martins.

“Existem algumas questões que deixaram a Celesc de Criciúma com algumas complicações fundiárias, a questão do prédio da Celesc aqui, que eles usaram como argumento e a questão geográfica, que pensamos o contrário. Eu acho que o mais certo é aguardarmos a reunião de amanhã. O desejo é que fique como está”, comentou Freitas.

Confira a entrevista na íntegra: