Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
4

Com dívida de R$ 350 milhões, Cooperminas tem novo leilão hoje

Somente o passivo trabalhista ultrapassa os R$ 35 milhões
Gregório Silveira
Por Gregório Silveira Criciúma, SC, 23/08/2021 - 08:07Atualizado em 23/08/2021 - 09:04
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

A Cooperminas de Forquilhinha está com as atividades paralisadas desde 2017. Devido a falência da empresa até hoje os trabalhadores brigam na justiça para receber as indenizações. Segundo Djonatan Elias, presidente Sindicato dos Mineiros, hoje o passivo toda a dívida da empresa, gira em torno de R$ 350 milhões, apenas trabalhista gira em torno de R$ 35 milhões.

Essa não é a primeira vez que a Cooperminas vai a leilão. “Tivemos um leilão, mas o lance ficou muito a baixo do valor mínimo. Hoje teremos esse no leilão e a expectativa de lances melhores são grande”, afirma Djonatan Elias, presidente Sindicato dos Mineiros.

Hoje na Cooperminas somente uma atividade. “Só funciona o bombeamento para que não alague a mina e desvalorize aquele patrimônio”, adianta Elias.  

Hoje a Cooperminas está entre as 100 empresas que mais devem para a previdência, mas Djonatan, destaca que o carvão extraído lá tem muita qualidade. “Hoje o carvão da Cooperminas é o melhor da região pois não precisa de mistura. Um carvão que já sai pronto para uso”.