Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
4

Assinado contrato de cessão de nova sede para a Câmara de Vereadores

Poder legislativo está em posse de antigo prédio do Ministério Público do Trabalho de Criciúma e obras devem começar ainda em agosto
Heitor Araujo
Por Heitor Araujo Florianópolis - SC, 07/08/2019 - 16:32Atualizado em 07/08/2019 - 16:35
Divulgação
Divulgação

Foi assinado na tarde desta quarta-feira, 7, em Florianópolis, o termo de cessão do antigo prédio do Ministério Público do Trabalho de Criciúma, localizado no Parque Centenário, para a Câmara de Vereadores. O local, que ainda passará por reformas, será a nova sede do poder legislativo no município.

Em entrevista ao jornalista Denis Luciano, no Jornal das Nove da Rádio Som Maior, o presidente da Câmara, Miri Dagostin, falou sobre as obras da nova sede para o poder legislativo. “Deixaremos de pagar R$ 500 mil por ano em aluguel. Primeiro faremos uma restauração, troca de piso e parte elétrica, que deve iniciar no meio de agosto. O objetivo é de que em 90 dias esses reparos sejam concluídos, assim estaremos no novo prédio”, declarou.

Após as obras emergenciais, começará uma nova obra de um anexo com plenário para audiências públicas e dos gabinetes dos vereadores. “Os recursos já estão praticamente garantidos”, assegurou Miri Dagostin.

Devolução de verbas

Além da futura economia com o aluguel da sede da Câmara, o vereador Miri Dagostin antecipou que o Legislativo devolverá um valor recorde à administração municipal. "Fizemos uma economia muito grande. Vai ser uma surpresa, uma receita muito importante que o executivo terá no final do ano, podendo investir mais em saúde, educação e pavimentação", indicou o presidente da Câmara, sem antecipar valores.