Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Araranguá e o seu aniversário de 139 anos

Acompanhe o Programa Adelor Lessa Especial, direto do centro da cidade
Por Erik Behenck Araranguá - SC, 02/04/2019 - 06:53Atualizado em 02/04/2019 - 09:43
(foto: Luana Mazzuchello)
(foto: Luana Mazzuchello)

No ano de 1880 Araranguá conquistou sua emancipação político-administrativa, uma longa história em comparação com outros municípios do Sul, que são bem mais jovens. Cidade referência no Extremo Sul Catarinense, Araranguá chama a atenção por seu comércio forte, mas também mantém as tradições da agricultura e mais recentemente na educação.

Acompanhe ao vivo:

09:08

Ficamos por aqui com a transmissão ao vivo. Retornamos em breve, direto de outro município do Sul e vai ser assim ao longo do ano.

09:07

Para fechar o Programa Adelor Lessa Especial direto de Araranguá, música com Fernanda Lima.

09:06

Fernanda Lima: "Eu era muito tímida, então comecei devido ao incentivo das pessoas", comentou a cantora.

09:02

Fernanda Lima e Fernando Mincato:

09:01

Presidente do Araranguá Esporte Clube, Felipe Sasso: "Nosso sonho era voltar em 2019, mas dependemos do estádio. A Arena Poliesportiva ainda está em construção. A gente tinha um segundo plano, de disputar essa competição em outra cidade, fomos olhar com a Federação Catarinense. Achamos o estádio de Jacinto Machado, que tem capacidade de receber jogos de um time de Série C. Então, em primeira mão, nós não vamos disputar. Esperamos que em 2020 conseguimos tornar esse sonho realidade".

08:57

Osmar Nunes e Adelor Lessa:

08:57

Osmar Nunes: "Se acabar o petróleo em uma eventual guerra, nós temos o carvão. Na Segunda Guerra Mundial foi assim e eu nasci perto disso".

08:54

Osmar Nunes: "Araranguá é a melhor cidade que tem para se morar. Ela é a cidade das avenidas. Tem 14 metros para andar, mais os canteiros. As ruas dão o triplo das de Laguna, Tubarão e Criciúma. Naquela época, o engenheiro Mesquita planejou dessa forma a malha viária".

08:52

Ex-prefeito de Araranguá e radialista, Osmar Nunes: "Foi um bom marketing, a campanha era de igual para igual. Essa questão do tostão contra milhão era só marketing", revelou, se referindo a disputa pela Prefeitura.

08:49

Representante do Caverá Country Park, Tamarindo Vieira: "É um atrativo diferente para a nossa região. Esse ano, apesar do tempo, ele colaborou em janeiro, mas em fevereiro foi bastante atípico, então reduziu o nosso movimento. Temos 18 brinquedos, entre piscinas, rampas e toboáguas".

08:47

Eugenio Simão: "Saúde é a bola da vez, estamos precisando fazer uma frente política para terminar o prédio da medicina. Estamos batalhando dia a dia para estruturar os cursos".

08:46

Diretor do Campus UFSC Araranguá, Eugenio Simão: "É estranho que as pessoas da região ainda não percebam que é uma universidade gratuita, é só vim e estudar. A UFSC tem cinco campos, incluindo o campo sede". 
 

08:44

Luiz Gonzaga Pereira: "Queremos contribuir para o avanço na melhoria da vida das pessoas".

08:44

Presidente do CDL Araranguá, Luiz Gonzaga Pereira: "A situação de Araranguá não é diferente de outras do nosos país. Sempre temos que renovar, nos reinventar e apresentar soluções diferentes. Os problemas que ocorrem são comuns. Muitas vezes temos soluções em comum. Nos preocupamos muito com a capacidade de consumo que o nosso povo tem".

08:41

Valdemar Pacheco e Adelor Lessa:

08:40

Robson Armani, representante da Betha Sistemas: "Araranguá está conosco há 23 anos. Conversamos sobre a importância da gestão público. Em torno de 85% dos municípios de Santa Catarina tem soluções da Betha. Estamos com projeto de startup e vamos crescer muito".

08:40

Valdemar pacheco: "Eu fiquei uns seis meses, porque logo em seguida eu casei. Eu fiz uma novela com a minha mulher, chamava-se "Renúncia", então estreitamos o relacionamento e casamos", lembrou, destacando porque ficou pouco tempo na Rádio Araranguá.

08:38

Radialista Valdemar pacheco: "Eu tive o prazer de anunciar pelo microfone da Rádio Difusora o fim da Segunda Guerra Mundial. Em 47 eu fui para Florianópolis e lá me convidaram para trabalhar na Guarujá".

08:36

Daniel Viriato: "A gente tenta fortalecer as entidades que prestam serviços voluntários. Temos buscado recursos para auxiliar todos. Temos trabalhado para que isso se torne uma realidade. A Câmara de Vereadores em 2018 devolveu ao município mais de R$ 1 milhão, essa é uma forma de contribuir para desenvolver áreas carentes".

08:34

Presidente da Câmara de Vereadores de Araranguá, Daniel Viriato: "Faltou destacarmos que temos uma forte atuação no ramo da confecção, principalmente com o Instituto Federal, em seus cursos de moda e estilismo. São várias empresas de confecção instalados e podemos fortalecer esse segmento".

08:29

Até torcedor do Figueirense apareceu para prestigiar o Programa Adelor Lessa Especial.

08:24

Maria Edenir Espindola Fernandes: "Eu acredito que a fé move tudo isso. Ela é uma santa que faz milagres, por isso já estamos com um santuário".

08:23

Organizador da Festa da Padroeira, Maurício: "Vamos trazer o show de evangelização do Padre Antônio Maria. Teremos outros padres reconhecidos realizando missas ao longo da semana". 

08:17

No território araranguaense uma característica se tornou cada vez mais forte: a fé. Prova disso são os 170 anos que a Paróquia Nossa Senhora Mãe dos Homens completou em 2018.

08:09

André Serafim, presidente da Associação Empresarial de Araranguá e do Extremo Sul Catarinense (Aciva).

08:04

Presidente da Aciva, André Serafin: "Dia a dia, as parcerias que a gente faz, com OAB, CDL, está se tornando realidade".

07:52

Agora música ao vivo com Fernanda Lima.

07:45

Mariano Mazzuco: "Até o fim do mandato vamos fazer R$ 30 milhões em pavimentações. Vamos refazer algumas ruas do centro. Se luta bastante e vamos conseguir fazer muita coisa pelo nosso município".

07:40

Sobre o novo calçadão, Mariano Mazzuco: "Eu mandei fazer um projeto para a energia subterrânea. É uma parceria com os moradores, precisa ver se consegue os recursos, do município e dos parceiros. Tem que ter muita responsabilidade ao fazer uma obra dessas".

07:37

Diretora de cultura de Araranguá, Micheline Vargas: "As comemorações começam hoje, com a abertura, música e todo o glamour da noite. Amanhã começamos às 9h com uma ação social e todo o arsenal do Governo. Fecha essa programação no domingo com a corrida rústica".

07:35

Conforme o prefeito, vem aí um novo modelo para oferecer o sistema de monitoramento por câmeras. Não prometeu datas.

07:34

 

O ouvinte perguntou por que a cidade não conta com o sistema de câmaras. Mariano Mazzuco: "Em 2017 nós fomos na Secretaria de Segurança Pública de Santa Catarina. Na época o Projeto Bem-te-vi custava R$ 300 mil, o município entrava com metade e o Estado com metade. A pessoa que presidiu a reunião foi taxativa, dizendo que de momento não tinham orçamento. Eu perguntei se o sistema funcionava com dez câmeras, então iniciamos com dez câmaras".

07:30

O tempo vai ser bom ao longo da semana. Ao longo de 12 horas poderá chover até 80 milímetros, entre sexta e sábado.

07:23

Mariano Mazzuco: "Muitas vezes a empresa que ganha a licitação não tem capital de giro. Seria uma obra rápida", comentou, se referindo a ciclovia até Morro dos Conventos.

07:19

Mariano Mazzuco: "Araranguá chega muito preparada para crescer. Ela cresceu muito no passado recente. É bem verdade que não teve um impulso muito grande em relação às matérias-primas. Nós tínhamos a terra, mas ela é limitada. Se olhar para a vizinha Criciúma, primeiro teve o carvão, gerando recursos para surgir empresários que foram ao setor cerâmico. O pilar da educação será o que mais vai dar crescimento".

07:17

Mariano Mazzuco: "Eu vou jogar essa inauguração para o ano que vem, talvez o primeiro semestre. Nós temos que esperar o dinheiro do governo federal".

07:15

Segundo o prefeito, os repasses via Ministério do Esporte deixaram de ser realizados. "O governo compareceu com 20%", comentou.

07:15

Mariano Mazzuco: "O estádio de futebol está com 43% das obras realizadas. O que demora mais é a estrutura de concreto, então daqui para a frente será feita a marquise, a tela de fechamento e os refletores. São valores importantes, porém, acredito que a obra vai andar mais rápido".

07:13

O prefeito de Araranguá, Mariano Mazzuco.

07:12

Mariano Mazzuco: "A farinha de mandioca era a base da economia, agora existem outras culturas. Houve uma diversificação no plantio. Araranguá tem intensificado, tem a sua agricultura baseada em arroz, se planta mandioca e maracujá, são diversas culturas. As terras baixas são produtivas com arroz. Tem a indústria, com comércio diversificado e o turismo, não só os que vem ao Morro dos Conventos".

07:10

Prefeito de Araranguá, Mariano Mazzuco: "É importante falar sobre o nosso presente, o nosso passado e o nosso futuro".

07:06

O primeiro município foi Turvo, que comemorou em março os seus 70 anos.

07:04

O projeto "Cidades do Sul" vai percorrer todos os municípios da Região Carbonífera e muitos do Extremo Sul.

07:01

O Jornal A Tribuna desta terça-feira (2) é especial, dedicado a cidade.