Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Após empate, técnico do São Bento pede demissão

Milton Mendes alega razões pessoas e nega relação com denúncia de abuso sexual
Denis Luciano
Por Denis Luciano Criciúma, SC, 02/11/2019 - 22:10Atualizado em 02/11/2019 - 22:13
Foto: Marco Búrigo / Timaço / Rádio Som Maior
Foto: Marco Búrigo / Timaço / Rádio Som Maior

Caiu como uma bomba para o técnico do São Bento a denúncia que veio à tona durante o jogo contra o Criciúma, na noite deste sábado, 2, no estádio Heriberto Hülse. Milton Mendes foi acusado de ter sido pivô de um caso de abuso sexual em um hotel onde residia em Sorocaba, no interior de São Paulo. Ele não apenas negou os fatos denunciados como pediu demissão do comando do lanterna da Série B logo após a partida.

"Hoje no intervalo do jogo me deram uma notícia lamentável, que no Brasil as pessoas colocam coisas sem ouvir ninguém. Meus advogados já estão agindo, o presidente do clube está assustado, eu não sei como isso chegou assim, disseram que tem BO, não tive conhecimento. Existem sempre os dois lados, não pode ouvir uma pessoa só falando. No Brasil tudo o que se fala, dizem e trucidam as pessoas perante ao público mas dessa vez eu não vou ficar calado, eu vou até o fim", afirmou o treinador. "Já era para eu ter ido embora há três rodadas, o presidente pediu para eu ficar e eu continuei, esperando que as coisas se encaminhassem mas o estado da minha esposa não é o melhor, se agravou. Hoje, perto do meio dia, conversei com o presidente e pedi para ele me liberar, deixar eu ir embora", afirmou.

"Eu estou extremamente aborrecido, sou um homem de família, tenho mulher, tenho filhos, que irresponsabilidade é essa, de falarem uma coisa dessa", disse Milton, que vai se dedicar à sua mulher. "Mais irresponsável é quem coloca isso ouvindo só uma parte, e na hora do jogo. Extremamente lamentável, eu estou muito chateado mas ao mesmo tempo forte, pois o que me importa é a minha família, eles acreditam em mim. Não vou deixar de lutar até as últimas consequências. Para mim nada mais importa que a minha família", apontou.

Milton prometeu tomar duras providências contra quem publicou as informações sem ouvir a sua versão. "Estamos cansados de ver pessoas querendo tirar partido de algumas situações e não se importam com nada. Não vou medir esforços para buscar até as últimas consequências saber a verdade. A verdade virá à tona. Esses irresponsáveis vão pagar", completou.