Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Depois do Rincão, a vez de Balneário Camboriú!

Por Adelor Lessa Edição 29/04/2022
Arquivo / 4oito
Arquivo / 4oito

Balneário Camboriú se apresenta neste fim de semana para todo o país com a segunda etapa do Mundial de Beach Tennis. Mídia nacional e internacional.
Acontece lá aquele espetáculo, que em fevereiro, movimentou o Rincão.
Com uma diferença básica.

No Rincão, uma praça foi transformada em uma grande praia.
Mais de 130 caminhões de areia foram usados.

Depois de finalizar a praia “produzida”, foi instalada uma arquibancada que havia sido utilizada nas Olimpíadas Rio-2016 e montadas 12 quadras, partindo do zero.
Uma operação logística e de infraestrutura jamais vista na história de grandes eventos de Beach Tennis do mundo.

Em Balneário Camboriú as quadras estão montadas na praia, como acontece pelo mundo afora. 
São 17 quadras no Pontal Norte da Praia Central, e a mesma arquibancada daqui. 

Atletas de 15 países estão em Balneário Camboriú.

A relação entre uma etapa e outra é feita apenas para reforçar a importância do que foi realizado aqui, e a ousadia de quem fez.
Especialmente o prefeito Jairo Custódio, que nunca tinha ouvido falar no assunto, não sabia nem como jogava Beach Tennis, mas ouviu atentamente o que foi apresentado por Bruno Ferreira, presidente do evento, e “comprou" a idéia.

Balneário Camboriú é a maior praia do estado, referência nacional, metro quadrado mais caro do país (mais caro que na Avenida Paulista). 
Rincão é uma praia que até ontem era chamada de “roncão”, por falta de atrativos, quase zero de opções de lazer e entretenimento.
É um dos menores municípios do sul.

E aí, de novo, destaque para a decisão do Prefeito em “bancar" um evento tão grandioso. E que foi perfeito, não faltou nada, um sucesso.

Claro que não foi só pela ousadia, determinação, e um pouco do “gostar de viver perigosamente”, do prefeito Jairo e do Bruno, que o evento no Rincão foi viabilizado.
Teve muita gente no entorno que fez a roda girar.
Daniel Freitas, Jorginho David, Alexandre Farias, Betinho Barata, são alguns deles.

Quando o prefeito Jairo começou a fazer o calçadão, eu disse durante uma entrevista com ele na rádio Som Maior: “será o divisor de águas no Rincão; vai explodir depois disso”.
Dito e feito.

Do Mundial de Beach Tennis pode se dizer que fez “subir a régua”.
Rincão já estava com pé no acelerador depois do calçadão, continuaria a crescer de qualquer forma, e teve mais um “empurrão”. Um reforço importante. 
Porque não foi apenas outro evento. Foi um “mega”, de repercussão internacional. 
Colocou Rincão numa plataforma de mídia para o mundo.

E o melhor mesmo é que no ano que vem vai ter tudo de novo no Rincão!
Porque o prefeito Jairo e o Bruno já fizeram a “renovação" da ousadia.
Ou, da “maluquice”, como chegaram a dizer.

Copyright © 2021.
Todos os direitos reservados ao Portal 4oito