Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

União Mineira terá um Carnaval igual aos de antigamente

Evento que acontece em fevereiro será focado nas tradicionais marchinhas
Erik Behenck
Por Erik Behenck Criciúma - SC, 25/01/2020 - 12:02
Foto: Luana Mazzuchello
Foto: Luana Mazzuchello

Tem muita gente que é saudosista, que diz que o futebol de antigamente era melhor ou que a música era melhor. Você pode concordar ou não. O que não dá para negar é que os Carnavais mudaram, com os antigos bailes perdendo espaço para festas que mesclam diferentes ritmos musicais, que não são as marchinhas.

E neste ano estará de volta o Baile de Carnaval Verde e Branco, organizado pela Sociedade Recreativa União Mineira. A ideia é resgatar o que fazia sucesso em décadas passadas.

“As músicas acabaram saindo de cena, como as marchinhas, e o sertanejo entrou em cena. Agora estamos resgatando isso, vamos ter bandas, uma só de marchinhas, para resgatar essa tradição de bailes de salão”, comentou Christophe Maximiano de Lima, um dos responsáveis pela festa que vem por aí, nos dias 21 e 25 de fevereiro.

O evento é organizado por Cláudio Alexandre, o DJ Fusca. “Todos os clubes eram cheios e nós não tínhamos 100 mil habitantes”, disse. E segundo ele, o número de marchinhas é pequeno porque não existem cantores engajados. “Não tem porque faltam pessoas que acreditam no projeto”, citou.

O objetivo é resgatar os bailes de salões, algo que foi perdido com o passar do tempo. “As marchinhas de carnaval só ouvíamos nos carnavais, e começamos os bailes de salão com sertanejo e funk, que rolam o ano inteiro. Eu acredito que vai ser um grande sucesso, já é um sucesso”, citou Pedro Apolinário, que ficará responsável pelas marchinhas.

Tags: carnaval