Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Tigre recebe segunda chance no Heriberto Hülse

Contando os pontos para tentar escapar do rebaixamento, Criciúma recebe o CRB às 19h15
Heitor Araujo
Por Heitor Araujo Criciúma - SC, 18/10/2019 - 14:06Atualizado em 18/10/2019 - 14:16
https://www.4oito.com.br/noticia/tigre-recebe-segunda-chance-no-heriberto-hulse-20438
https://www.4oito.com.br/noticia/tigre-recebe-segunda-chance-no-heriberto-hulse-20438

O Criciúma tem, nesta sexta-feira, 18, a segunda chance consecutiva de iniciar a reação nesta Série B no estádio Heriberto Hülse. Às 19h15, o Tigre recebe o CRB, em partida válida pela 30ª rodada. Uma vitória não basta para tirar o time da zona de rebaixamento, mas pode ser o marco da arrancada carvoeira na competição, algo que há muito se promete, mas ainda não se cumpriu.

Para o confronto contra os alagoanos, o técnico Roberto Cavalo já anunciou mudanças na equipe. Vaiado na terça-feira no emapate contra o Vitória, Vinícius perdeu a titularidade para Andrew. Na lateral direita, ainda sem Carlos Eduardo, Eduardo será improvisado no setor.

Talvez as maiores surpresas sejam os retornos de Derlan e Liel. Uma das avaliações de Cavalo, mesmo que o Tigre tenha o segundo pior ataque da competição, é de que o sistema defensivo vem apresentando falhas que custaram pontos importantes.

Assim, Thales deixa o time. O zagueiro cometeu erros decisivos nos últimos jogos: fez a falta do gol de empate do Vitória, gol contra contra o Brasil e falhou na marcação no gol do Vila Nova. No meio-campo, Liel será o primeiro homem, dando suporte a Wesley e Foguinho, com Daniel Costa mais à frente, retornando ao esquema com quatro jogadores no setor.

Foguinho volta ao time após cumprir suspensão

CRB em declínio

O Clube de Regatas Brasil começou bem a competição e deu a entender que lutaria pelo acesso. Frequentou o G-4 em algumas rodadas, mas agora vive seu pior momento na temporada. São seis jogos sem vencer, com quatro empates e duas derrotas. Ocupa o 8º lugar, com 40 pontos – 11 a mais do que o Tigre, 18º.

A sequência sem vitórias custou o emprego de Marcelo Chamusca. Marcelo Cabo assumiu o comando técnico do clube no domingo e, na estreia, empatou com o Operário, o pior visitante da competição, em casa.

Cabo tem o desfalque do zagueiro Victor Ramos, mas ganhou o retorno de Igor à lateral esquerda. O técnico deve fazer outras duas mudanças em relação à última partida: os meias Marcelo Serrano e William Barbio deixam o time para as entradas de Élton e Iago.

Aspas

Pelo lado do Tigre, Foguinho e Roberto Cavalo falaram sobre o jogo contra o CRB. Cada um apontou um problema em específico do Criciúma. Na avaliação de Foguinho, está faltando capricho na hora das conclusões das jogadas.

“Temos que ter mais capricho e tranquilidade na finalização. Contra o Vitória tivemos 20 finalizações e fizemos apenas um gol; tá faltando melhorar a finalização. Também temos tomado gols em detalhes que têm nos custado caro”, avaliou o meia em coletiva realizada na quarta-feira.

Já o treinador projetou as alterações feitas buscando fortalecer o sistema defensivo. ”Assistimos o jogo contra o Vitória e cobramos mais atenção. Em todos os jogos tomamos gols, isso nos dificulta, nos dá preocupação, precisamos de uma retaguarda mais segura, marcar um pouco mais. Isso tudo foi conversado, foi treinado, vamos ser repetitivos, cobrar de novo para ter mais atenção e marcação para não tomar gol", observou.

Olho neles

O centroavante Léo Ceará é o artilheiro do CRB na Série B, com sete gols marcados. Revelado pelo Vitória e rodado no futebol do Nordeste, é a principal esperança de gol do técnico Marcelo Cabo.

Outro jogador que vem se destacando é o ponta esquerda Alisson Farias. Das categorias de base do Internacional, o atacante foi vice-campeão Gaúcho pelo Brasil de Pelotas no ano passado, sendo um dos destaques da competição. Deixou o clube gaúcho por problemas disciplinares e rodou por Coritiba e Sport até chegar a Alagoas. Pelo CRB, já tem cinco gols nesta Série B. 

Tigre segue na zona

A vitória leva o Tigre aos 32 pontos. Na melhor das hipóteses, empata com o Londrina, primeiro clube fora da zona de rebaixamento. Os paranaenses enfrentam o Vitória, também nesta sexta-feira, no Barradão. Pelos critérios de desempate, o Londrina permanece na frente mesmo em caso de derrota. A derrota seria uma tragédia, podendo colocar o clube na lanterna da competição.

O CRB mira a parte de cima da tabela, mas a vitória nesta sexta representa nada de ascensão. Os alagoanos estão quatro pontos atrás do Paraná, 7º lugar, e seis pontos atrás do Coritiba, 4º colocado. Por outro lado, uma derrota pode custar três posições ao clube alagoano.

Promoção

A entrada para o torcedor segue com o preço promocional no Heriberto Hülse. Até a hora do jogo, os bilhetes custam R$ 10. No jogo passado contra o Vitória, o público foi de mais de 5 mil pessoas.

Ficha Técnica

Criciúma x CRB, válido pela 30ª rodada da Série B

Local: estádio Heriberto Hülse

Horário: 19h15

Arbitragem: Pablo Gonçalves Pinheiro, auxiliado por Lorival Candido das Flores e Vinícius Melo da Silva (RN)

Criciúma: Luiz; Eduardo, Sandro, Derlan e Marlon; Liel, Wesley, Foguinho e Daniel Costa; Andrew e Léo Gamalho. Técnico: Roberto Cavalo

CRB: Andrey; Israel, Wellington Carvalho, Ewerton Páscoa e Igor; Claudinei, Lucas Siqueira e Élton; Iago, Alisson Farias e Léo Ceará. Técnico: Marcelo Cabo