Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Tigre pede a benção

Bispo Dom Jacinto Flach esteve no Heriberto Hülse e abençoou as duas goleiras, para Criciúma voltar a vencer em casa
Heitor Araujo
Por Heitor Araujo Criciúma - SC, 09/08/2019 - 16:34
(foto: Jota Éder)
(foto: Jota Éder)

Quando a fase não é boa, não há esforços que bastem. Troca de treinador, promessa de mudança de atitude dos jogadores, apoio da torcida... Tudo isso virou pauta no Heriberto Hülse. Mas será que será suficiente? Para evitar novos tropeços dentro de casa e espantar a má fase, uma atitude pouco usual nos estádios de futebol. O Bispo  da Diocese de Criciúma, Dom Jacinto Flach, esteve no Heriberto Hülse e abençoou as duas goleiras.

O repórter Jota Éder, do Timaço da Som Maior, testemunhou a cena., que aconteceu antes do treino na tarde desta sexta-feira, 9. Houve uma conversa entre o bispo e o presidente do Tigre, Jaime Dal Farra. Depois, Dom Jacinto foi até as duas goleiras e ordenou "Deus abençoe". 

O Criciúma precisa vencer o Sport, no próximo domingo, para tentar sair da zona de rebaixamento. Em casa, já são dois jogos sem vitória: contra o Figueirense, empate em 1 x 1, e contra o Operário, derrota por 2 x 1. Será que a benção vai espantar o ataque rubro-negro e agraciar a artilharia carvoeira?

Autor do gol contra o Operário, o meia Daniel Costa prometeu, ao menos, mudança de atitude dos jogadores. O ataque pode ter também o retorno do artilheiro Léo Gamalho. Argumentos não faltam para que o Tigre volte a vencer, como fez contra o Coritiba, por 2 a 1, mas agora com as traves abençoadas.