Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
4

Sindicato dos Ceramistas lança cartilha sobre o FGTS

Retirada dos R$ 500 está liberada desde o dia 13 para quem tem conta na Caixa
Erik Behenck
Por Erik Behenck Criciúma - SC, 23/09/2019 - 11:29
(foto: reprodução)
(foto: reprodução)

Desde o dia 13 de setembro quem nasceu nos meses de janeiro, fevereiro, março e abril e conta com uma poupança individual na Caixa Econômica Federal está recebendo automaticamente os R$ 500 do FGTS. Para esclarecer dúvidas, o Sindicato dos Ceramistas produziu uma cartilha, com perguntas e respostas sobre o assunto.

“O pessoal está misturando o saque de R$ 500 com o saque-aniversário. Outra dúvida é o que acontece se não receber o dinheiro”, comentou o presidente Itaci de Sá. Em relação a não fazer a retirada do dinheiro, ele continuará nas contas do Fundo de Garantia, enquanto o saque-aniversário é outra modalidade, que valerá a partir de abril de 2020.

Aqueles que possuem poupança na Caixa recebem automático. “O depósito na conta corrente vai ser para quem não tem conta poupança individual na Caixa Econômica Federal. Devem procurar o banco e dizer se tem conta corrente ou conjunta, aí a Caixa deposita. Se não tiver poupança tem que informar a Caixa”, destacou Itaci.

Caso a pessoa conte com mais de uma conta do FGTS, será possível sacar em todas elas. “Se nessa conta inativa tiver R$ 300, é possível sacar, e mais R$ 500 na ativa. É possível fazer em três, quatro contas ou mais. É possível sacar tudo, com no máximo de R$ 500 em cada”, explicou.

E quem não tem conta na Caixa?

Quem não possui conta na Caixa Econômica poderá fazer o saque de R$ 500 nas casas lotérica, nos terminais de autoatendimento ou na própria agência bancária, a partir de 18 de outubro. “O mais rápido para receber é ir com o Cartão Cidadão e um documento de identidade”, explicou o presidente do sindicato. 
 

Tags: fgts