Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Serra do Corvo Branco: liberação da rodovia só em junho

Próximo passo é a contração emergencial de uma empresa para dar início à desinterdição
Por Stefanie Machado Criciúma (SC), 13/05/2022 - 10:39 Atualizado em 13/05/2022 - 10:48
Fotos: Divulgação
Fotos: Divulgação

Quer receber notícias como esta em seu Whatsapp? Clique aqui e entre para nosso grupo

Pelo menos mais 45 dias. Esse é o prazo estimado para a liberação da Serra do Corvo Branco, após o início das obras de reconexão entre os municípios de Grão-Pará e Urubici. Para reestabelecer a rodovia, uma empresa deve ser contratada em caráter emergencial nos próximos dias. As informações são do secretário de Estado da Infraestrutura, Thiago Vieira, em entrevista ao programa Adelor Lessa desta sexta-feira (13).

Na tarde de quinta-feira (12), acompanhado de engenheiros da SIE, Vieira foi até o local reavaliar a situação. Essa foi a terceira visita da equipe de Infraestrutura desde as ocorrências. “Quando a falamos em desastre natural, a primeira coisa a fazer é conter danos. Que foi feito quando abrimos a Barra do Camacho que ajudou a evitar danos. Depois é reestabelecer, mesmo que de forma precária, a vida em normalidade, ou seja, as conexões como é o caso da Corvo Branco”, explica. 

Durante a última semana, foi feito o levantamento dos estragos. Agora, nos próximos dias, a ideia é contatar as empresas e solicitar os orçamentos. Depois avaliar a melhor alternativa e, assim, dar início às obras que devem levar aproximadamente 30 dias para serem finalizadas. A solução será a limpeza dos pontos onde aconteceram quedas de barreiras. 

“O solo é de arenito, então não é um trabalho simples de ser feito. E vai depender muito do processo, do que a gente vai se deparar, acaba tendo um processo de sondagem ali no local. Ao abrir, podemos nos deparar com situações diferentes do que a gente imaginou”, comenta o secretário. Em tese, o objetivo é reestabelecer a conexão entre as cidades, mesmo sem uma solução definitiva para o futuro da Serra. 

Estragos nas rodovias de SC 

Devido às chuvas da última semana, Santa Catarina registrou 150 pontos de interdição nas rodovias. Desses, aproximadamente 100 pontos já foram reestabelecidos. O restante já tem uma solução encaminhada, como é o caso da Serra do Corvo Branco, onde há, pelo menos, dez pontos com queda de barreiras. 

Segundo o secretário, será feito a limpeza dos trechos com deslizamentos. “Em um trecho pontualmente em que nós vamos corrigir o traçado, fazer uma supressão de vegetação e a limpeza de uma área de cerca de quatro metros onde teve aquele grande deslizamento que vai permitir o reestabelecimento da conexão entre Grão-Pará e Urubici”, destaca. 

Pavimentação da Serra

A tão aguardada pavimentação da Serra do Corvo Branco teve que ser interrompida. Agora, a prioridade da SIE é trabalhar na solução que vai desinterditar a rodovia o mais rápido possível. Depois as obras devem continuar. “No que se refere ao topo da Serra, nós vamos ter que adequar as soluções que haviam até então. Inclusive, uma delas será adaptada nesse trabalho emergencial, que é uma correção de curva”, finaliza Vieira. 

Copyright © 2021.
Todos os direitos reservados ao Portal 4oito