Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
CORONAVÍRUS - Saiba mais aqui

Segunda vítima de Covid-19 no Sul estava entubada há duas semanas

Heitor Araujo
Por Heitor Araujo 04/04/2020 - 10:13Atualizado em 05/04/2020 - 21:28
UTI do São Donato não tem mais nenhum paciente de Covid-19 internado (Foto: Arquivo / Divulgação)
UTI do São Donato não tem mais nenhum paciente de Covid-19 internado (Foto: Arquivo / Divulgação)

A segunda vítima de Covid-19 no Sul catarinense é um homem de 32 anos, de São Ludgero, sem nenhuma doença associada. O homem deixou a mulher e filho. De acordo com o diretor do Hospital São Donato, Júlio de Luca, a vítima estava há duas semanas entubada na UTI do São Donato.

"Ele não tinha nenhuma doença associada, morreu por insuficiência respiratória. Todas as possibilidades foram tentadas (inclusive a cloroquina) e infelizmente não conseguiram recuperar o jovem. Para você ver que a população tem que permanecer em casa", lamentou Júlio.

"Quando ele chegou, já foi entubado. Ficou com respiração mecânica sempre, os médicos tentaram tirar várias vezes, mas ele não conseguia se manter. Estava em coma induzido", detalha de Luca. 

No São Donato não há mais nenhuma internação em UTI de Covid-19. A suspeita que estava em isolamento foi encaminhada para a clínica e está evoluindo bem. 

O hospital divulgou nota de pesar

"O Hospital São Donato lamenta a morte de um paciente com coronavírus às 5h50 deste sábado, dia 4. Foram quase 15 dias de luta pela vida. O homem, de 32 anos, não tinha patologias associadas, estava sob ventilação mecânica e teve uma parada cardiorrespiratória.
 
O exame havia sido coletado anteriormente a transferência para a Unidade de Terapia Intensiva e o resultado para o COVID-19 foi confirmado durante o tratamento, desde o início, realizado em isolamento. Neste momento, nos solidarizamos com a família e também com a equipe que não mediu esforços para que o fim dessa história fosse de retorno para a família.
 
Em meio a pandemia de coronavírus, o HSD atendeu dois pacientes na UTI com diagnóstico conclusivo. O primeiro caso, de 52 anos, recebeu alta hospitalar em 18 de março para isolamento domiciliar e acompanhamento da Vigilância Epidemiológica de Braço do Norte. Por ora, o HSD tem somente uma mulher de Içara sob suspeita. Ela possui 30 anos e aguarda o resultado do exame em leito de isolamento fora da UTI".

Tags: coronavírus