Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
CORONAVÍRUS - Saiba mais aqui

Santa Catarina deve manter exportações para a Arábia Saudita

Informação ainda não foi confirmada pelo Ministério da Agricultura
Erik Behenck
Por Erik Behenck Criciúma - SC, 23/01/2019 - 08:29
(foto: reprodução)
(foto: reprodução)

A Arábia Saudita cancelou a importação de frangos brasileiros. De maneira oficial o caso não é tratado como retaliação para a mudança da embaixada brasileira, de Tel Aviv para Jerusalém. O país árabe decidiu impor algumas restrições aos frangos produzidos por aqui, restando poucos frigoríficos. O secretário da Agricultura e Pesca de Santa Catarina, Ricardo de Gouvêa, acredita que a mediada não atingirá Santa Catarina.

“O frango recebe um choque e fica como se tivesse desmaiado, no entendimento deles, os frangos não apenas desmaiam, como podem morrer, assim fere algo da religião, que diz que o animal só pode morrer pelo corte e não isso. Eles cancelaram algumas plantas e mantiveram 25 plantas que exportavam, as cinco plantas de Santa Catarina foram mantidas”, afirmou o secretário em entrevista ao Programa Adelor Lessa.

A posição não é oficial, já que o Ministério da Agricultura realizará reuniões sobre o tema. Gouvêa comentou sobre a possibilidade do cancelamento ser relacionado com a embaixada. “É uma situação, se for efetivamente essa a razão da suspenção é lamentável, porque ai estamos misturando uma questão política com uma questão técnica, em estar suspendendo as plantas daqui”, analisou.

Confira a entrevista na íntegra: