Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
CORONAVÍRUS - Saiba mais aqui

Presidente estadual do MDB coloca pressão sobre Vampiro: "precisa ter gratidão"

Deputado federal Celso Maldaner espera que Vampiro seja candidato a prefeito de Criciúma; deputado estadual reluta em aceitar
Heitor Araujo
Por Heitor Araujo Criciúma - SC, 09/01/2020 - 08:28Atualizado em 09/01/2020 - 08:31
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

O MDB espera lançar o deputado estadual, Luiz Fernando Vampiro, como candidato a prefeito de Criciúma neste ano. A confirmação foi feita pelo deputado federal Celso Maldaner, presidente estadual da sigla, no Programa Adelor Lessa, da Rádio Som Maior, nesta quinta-feira, 9. A expectativa de Maldaner é ter o aceite de Vampiro até o dia 7 de março, quando será feita conferência do partido no município de Gaspar.

Vampiro, no entanto, mostra-se relutante em aceitar a candidatura. A avaliação do deputado estadual é de que o partido tem outros bons nomes para concorrer. Maldaner, no entanto, colocou pressão sobre o deputado estadual.

"Vamos trabalhar até o último momento para que o Vampiro se sensibilize. Ele é uma unanimidade dentro do MDB para ser o nosso candidato a prefeito. Respeitamos a posição pessoal, mas chega o momento que a pessoa precisa ter gratidão e reconhecimento do apoio que ele sempre teve. É hora dele representar o MDB como candidato a prefeito de Criciúma. Sei que tem convite para ser líder de governo (na assembleia legislativa), mas o MDB precisa dele e sei que na hora H ele não vai falhar", disse o presidente estadual do partido.

Em entrevista na Rádio Som Maior na quarta-feira, que teve também a presença do secretário da Casa Civil, Douglas Borba, Vampiro deixou claro que não quer ser candidato a prefeito. 

"A política é feita de momentos. Eu tinha intenção em 2012, mas o partido entendeu que seria outro. Quero cumprir na íntegra esse mandato (como deputado estadual), trabalhar em prol da região e eu entendo que o MDB pode construir outro nome. A nossa forma de fazer política tem mudado, a gente tem que ter cautela. Desde o começo, falei que não seria candidato. Imposição nesse momento não existe mais", desabafou Vampiro.

Maldaner espera conversar pessoalmente com o deputado estadual neste fim de semana. O ex-governador, Eduardo Moreira, também tenta convencer Vampiro, segundo Maldaner. Em breve, o MDB deve fazer o convite oficial para a candidatura a prefeito de Criciúma em 2020.

O deputado federal falou também sobre a relação do MDB catarinense como base aliada do governador Carlos Moisés (PSL), na Alesc. Vampiro é um dos nove deputados do partido que vêm votando com o governo e pode, inclusive, ser o líder governista na assembleia.

"Não participamos do governo com cargos e nem vamos participar. Mas tudo o que é bom para Santa Catarina, o MDB não tem falhado. é um partido de equilíbrio, de centro, de alto grau de racionalidade. Os nove deputados da Alesc são importantes para o governador. O que for bom, a gente dá o apoio. Nossos deputados precisam ter o respaldo com investimentos do governo nas suas regiões. O Vampiro, se aceitar ser o líder do governo, tem todo o nosso apoio".