Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Pesquisadores Satc ministram workshop sobre carvão em Brasília

Participaram representantes dos ministérios e entidades que discutem o setor energético brasileiro
Por Redação Criciúma, SC, 20/09/2019 - 17:29
Divulgação
Divulgação

Tecnologias e novas pesquisas que envolvem o carvão mineral foram apresentadas pelos pesquisadores da Satc no Ministério de Minas e Energia (MME). O Seminário de Carvão Mineral ABCM/Satc/Copelmi ocorreu em Brasília. O evento, que contou com a presença do secretário-adjunto de Planejamento e Desenvolvimento Energético do Ministério de Minas e Energia (MME), Hélvio Guerra, funcionou como um treinamento para todos os Ministérios, onde foram mostrados os trabalhos realizados com o carvão mineral, suas tecnologias e prospecção de futuro.

O momento do curso se mostra oportuno, já que, tanto Governo Federal, quanto o MME, afirmaram suas posições favoráveis à energia termelétrica do mineral. “É importante, pois difunde o carvão, mostra que é uma indústria grande e que temos tecnologias que estão sendo desenvolvidas, além disso, mostra que o carvão está vivo e está crescendo no planeta”, comenta o presidente da Associação Brasileira de Carvão Mineral (ABCM), Fernando Zancan.

Representando a região Sul, a Satc apresentou o processo de captura e estocagem de carbono, já a Carbonífera Catarinense apresentou a injeção de CO2 como uma rota tecnológica promissora para o médio prazo. Além disso, o diretor administrativo da Satc e assessor técnico do Siecesc, Márcio Zanuz, ministrou um curso sobre mineração.

Nos dois dias de curso, os pesquisadores do Centro Tecnológico Satc (CTSatc) Thiago Aquino e Giovana Dal Pont, apresentaram pesquisas em andamento. O seminário foi co-organizado junto à Associação Brasileira do Carvão Mineral (ABCM), a Associação Beneficente da Indústria Carbonífera de Santa Catarina (SATC) e a General Electric (GE).