Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Orleans lidera na agricultura da região carbonífera

Município teve movimentação econômica superior a R$ 200 milhões no segmento em 2018
Por Redação Orleans, SC, 15/05/2019 - 18:41Atualizado em 15/05/2019 - 18:52
Divulgação
Divulgação

O município de Orleans ganhou destaque na região sul do estado em levantamento divulgado pela Associação dos Municípios da Região Carbonífera (Amrec), nesta semana, referente à produção agrícola dos 13 municípios associados em 2018. A agricultura orleanense teve ovos, frango e fumo entre os produtos destacados no ranking de produção regional.

Para o secretário de Agricultura, Cristóvão Croceta, os números representam a força do setor. “Orleans é um grande polo do agronegócio regional. Podemos observar que o município figurou muito positivamente neste ranking regional de produção em várias atividades, com destaque para a nossa diversificada produção como ovos, frangos, fumo e suínos e bovinos. "Vale lembrar que em todas essas atividades auxiliamos o empresário rural com bom acesso, máquinas e equipamentos além do atendimento de técnicos e engenheiros que faz de Orleans referência e transforma nossa cidade na maior referência agrícola da região", destacou.

O prefeito Jorge Koch ressalta que, além dos produtos de destaque no levantamento da Amrec, outras atividades merecem reconhecimento. "Quando falamos em nível municipal, ainda temos a pecuária de leite, a piscicultura, a avicultura, o mel dentre outros. Toda cadeia produtiva local, em especial os nossos agricultores, está de parabéns pelos resultados. A agricultura já representa um terço do retorno dos impostos", concluiu.

Programa Porteira Adentro

O programa foi instituído há um ano, através de Lei municipal para que a prefeitura pudesse realizar serviços de infraestrutura no interior das propriedades rurais por um valor mais acessível que o praticado pelo mercado. "O programa visa atender os produtores do município, principalmente no que diz respeito à agricultura familiar", explicou o secretário. "Os trabalhos são realizados dentro da propriedade, como o próprio nome sugere, ele não atua nas estradas, no acesso até a propriedade, por exemplo", completou o prefeito.

Entre os serviços prestados pelo programa, estão o de caminhão, retroescavadeira, patrola, trator e equipamentos, além da distribuição de sementes com preço subsidiado. O objetivo é melhorar a vida do agricultor e, criar condições para que o agricultor para melhorar a qualidade de vida do orleanense. Atualmente Secretaria de Agricultura conta com 13 colaboradores.

O movimento econômico da agricultura na Amrec:

 

Município / Valor / Peso na economia local

 

Balneário Rincão - R$ 773.722,68 - 1,75%

Cocal do Sul - R$ 15.895.206,99 - 2,24%

Criciúma - R$ 30.872.247,32 - 0,75%

Forquilhinha - R$ 98.433.408.09 - 14,29%

Içara - R$ 117.913.623,33 - 8,6%

Lauro Müller - R$ 189.134.720,96 - 43,86%

Morro da Fumaça - R$ 13.492.968,90 - 3,6%

Nova Veneza - R$ 80.338.433,54 - 12,92%

Orleans - R$ 201.178.489,23 - 31,14%

Siderópolis - R$ 48.523.337,06 - 15,28%

Treviso - R$ 96.710.900,02 - 29,62%

Urussanga - R$ 90.400.613,52 - 12,03%

Amrec - R$ 983.667.671,64 - 9,42%

 

Os dez produtos mais valorizados

 

1 - Ovos - R$ 65.064.212,96

2 - Frangos  - R$ 50.989.200,52

3 - Fumo - R$ 35.238.219,68

4 - Suínos - R$ 28.734.863,39

5- Bovinos - R$ 19.088.522,67

6 - Leite "in natura" - R$ 18.150.792,84

7 - Madeira - R$ 2.557.867,03

8 - Milho - R$ 1.581.904,19

9 - Resina vegetal - R$ 667.283,44

10 - Peixes - R$ 384.632,83