Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Obras no São Luiz e a Casan disposta a negociar com Criciúma

Superintendente Gilberto Benedet Junior diz que novas conversas podem acontecer
Erik Behenck
Por Erik Behenck Criciúma - SC, 31/07/2019 - 09:08Atualizado em 31/07/2019 - 09:10
(foto: arquivo 4oito)
(foto: arquivo 4oito)

A Casan definiu o cronograma de obras de esgotamento sanitário no bairro São Luiz, em Criciúma. A expectativa é de que os trabalhos comecem dentro de 15 dias. Uma nova reunião acontecerá entre os dias 13 e 14 de agosto, para confirmar como os serviços irão seguir, já que a Avenida Santos Dumont conta com diversos estabelecimentos comerciais.

“Havia um impasse com o município, em relação ao contrato de programa e a Casan entendeu que o recurso do Fonplata era muito importante. A Casan está utilizando recursos próprios, aproximadamente R$ 2,5 milhões, em um projeto que faz parte do binário”, destacou o superintendente Regional Sul e Serra da Casan, Gilberto Benedet Junior.

A Casan irá verificar ligações de esgoto, entre casas e a rede. Segundo ele, é preciso que tudo seja programado, evitando maiores complicações. “A mobilidade na região vai ser muito afetada. Planejamento tem que ser feito para evitar ao máximo, é uma obra que gera esse impacto todo no trânsito”, afirmou.

Casan x Prefeitura

Desde o começo do ano o prefeito Clésio Salvaro (PSDB) vem ameaçando romper o contrato que o município possui com a Casan. Para o superintendente, caso a Prefeitura procure a empresa, uma nova negociação poderá acontecer, reduzindo a tarifa.

 “A Casan sempre buscou o diálogo. Abriu as negociações entregando ao prefeito o que ele tinha almejado, que era a redução das tarifas de água e esgoto, isso não passa pela Casan e sim pela agência reguladora”, afirmou Benedet. “Se a Prefeitura procurar a Casan para uma nova negociação, é claro que vamos estar dispostos”, finalizou.