Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

O surgimento do lateral Maicon Sisenando com a ajuda de seu pai

Jogador se destacou pelo Criciúma e foi para o Cruzeiro ainda na base
Por Erik Behenck Criciúma - SC, 28/04/2019 - 16:15
(foto: Denis Luciano)
(foto: Denis Luciano)

Pai de um dos maiores jogadores revelados pelo Criciúma, Maneca Sisenando teve na revelação do filho um dos maiores momentos de sua carreira. Maneca foi jogador do Tigre durante a década de 1980. Ele foi um dos participantes da edição especial do Som Maior Esportes deste sábado (27).

“É um prazer revê-los de novo. Eu joguei no Criciúma em 1983, minha época boa mesmo foi na base que eu consegui fazer um jogador, o meu filho Maicon. Nós fizemos uma viagem a Ijuí, então ele foi treinar no Grêmio, mas no fim do ano acabou dispensado. Então depois começou a carreira no Criciúma”, comentou.

Foi numa de suas passagens como treinador das categorias de base que o seu filho Maicon se destacou. “Em 98 eu treinei a base do Criciúma, o Maicon era juvenil. O Maicon foi um cara que deu sorte na vida e tinha muito habilidade. Ele nem chegou a jogar pelo Criciúma no profissional e foi para o Cruzeiro, em 2001 o Maicon já estava na seleção brasileira”, concluiu.

Depois do Cruzeiro, Maicon foi para o Mônaco e teve uma brilhante passagem pela Internazionale, vencendo inclusive a Liga dos Campeões, na Europa atuou ainda no Manchester City e na Roma. Pela seleção brasileira jogou duas Copas do Mundo e venceu duas Copa das Confederações.