Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Luto: O "Barbeirinho" da Próspera não resistiu

O 4oito havia registrado a luta de figura conhecida da Próspera contra a Covid-19. Ele foi vencido
Denis Luciano
Por Denis Luciano Criciúma, SC, 19/11/2020 - 23:06Atualizado em 19/11/2020 - 23:11
A porta da barbearia de Zé / Foto: Eduardo Schaucoski / Especial / 4oito
A porta da barbearia de Zé / Foto: Eduardo Schaucoski / Especial / 4oito

Faleceu na noite desta quinta-feira, 19, em Tubarão, o barbeiro José Carlos Silvestri, chamado carinhosamente pelos amigos e clientes de "Barbeirinho" da Próspera. Ele estava com 50 anos e mantinha uma barbearia na Rua Osvaldo Pinto da Veiga, na Próspera, onde mantinha volumosa e cativa clientela.

O falecimento do conhecido barbeiro da Próspera foi confirmado na noite desta quinta

Zé, como era conhecido, escreveu um bilhete e deixou na porta do estabelecimento quando soube que estava contaminado pelo coronavírus. Rapidamente seu quadro evoluiu negativamente, acabou transferido para Unidade de Terapia Intensiva (UTI) em Tubarão, onde acabou indo a óbito.

Confira também:

Orações redobradas pelo Zé, o "Barbeirinho" da Próspera

No registro feito pelo 4oito na véspera da partida do "Barbeirinho", nesta quarta-feira, 18, chamou a atenção a quantidade de cartazes fixados por gente que torcia pelo restabelecimento dele. As notícias, porém, já não eram as mais animadoras.

Com esse triste desfecho, Zé é mais um criciumense vítima da Covid-19.

Tags: coronavírus