Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Leões marinhos descansam nas areias do Rincão

Quatro animais foram avistados na manhã desta segunda-feira, dois vivos e dois mortos
Heitor Araujo
Por Heitor Araujo Balneário Rincão - SC, 02/09/2019 - 15:24Atualizado em 02/09/2019 - 15:24

Inicialmente, um morador de Balneário Rincão deparou-se com um cena não muito comum na areia da praia: enquanto fazia a caminhada matinal, encontrou um leão marinho descansando na areia. A prefeitura foi contatada, esteve no local e encontrou outros três animais na orla da praia. Dois vivos e dois mortos.

Os leões marinhos são vistos na região nessa época do ano, em migração. É comum eles irem até a areia para descansar: podem ficar até quatro dias, depois retornam ao mar e seguem a rota.

Portanto, os dois animais vivos continuam sendo monitorados pela prefeitura, mas não há interferência dos agentes. A menos que os animais sejam encontrados com lesões, quando podem ser encaminhados para tratamento.

Não é o caso dos dois animais encontrados no Rincão na manhã desta segunda-feira. A fiscalização da prefeitura recomenda que, ao avistar um animal repousando na areia, seja feita a verificação se o animal está vivo ou morto, se está machuado ou não, e entrar em contato com a prefeitura. 

A prefeitura faz o contato com a equipe de desencalhe se o animal está machucado. Se não estiver, é feito o monitoramento até o retorno para o mar. A dica é para a população não jogar alimento e nem ficar próximo, pois pode causar estresse ao animal. 

Os leões marinhos são mamíferos que vivem em águas de baixas temperaturas e podem atingir até três metros de comprimento. Alimentam-se de peixes e moluscos, pesam até 300 kg e tem como maiores predadores os tubarões, as orcas e os seres humanos. Chegou a estar próximo à extinção na primeira metade do século XX, quando foi proibida a caça.