Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Empresas familiares: como fazer a sucessão?

“Negócios familiares são os que concentram o maior PIB no mundo”, declara o especialista Edson Cichella
Amanda Farias
Por Amanda Farias Criciúma - SC, 12/06/2019 - 11:54Atualizado em 12/06/2019 - 12:01

Você sabia que apenas 27% das empresas familiares possuem um plano sucessório? É fato que a transição de sucessores sem planejamento pode comprometer a sobrevivência dessas empresas. 

Segundo o advogado, contador e administrador, Edson Cichella, atualmente as empresas familiares são responsáveis por concentrar o maior volume do Produto Interno Bruto (PIB) no mundo todo. Em contrapartida, essas empresas têm probabilidade de desaparecerem com a mudança das gerações.

“Se elas [as empresas familiares] não tomarem alguns cuidados e não levarem o processo de sucessão como algo bastante profissional, realmente elas estão fadadas ao desaparecimento”, ressalta Cichella. Ele explica que a sucessão deve ser encaminhada como um processo e não como um ato isolado, que precisa ser pensada e planejada, visto que envolve pessoas.

Segundo Cichella, não se pode estimar exatamente qual o prazo médio de cada empresa familiar para a elaboração e conclusão do processo sucessório, pois cada plano precisa ser customizado de acordo com cada família. O ideal é haver uma conversa entre os familiares fundadores e, posteriormente, um planejamento.

Confira a entrevista na íntegra: