Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Empresa de Braço do Norte é finalista de importante premiação nacional

Santa Luzia disputa a categoria revestimentos do Prêmio Casa Vogue Design 2018
Redação
Por Redação Braço do Norte - SC, 07/02/2018 - 15:10Atualizado em 07/02/2018 - 15:37
(foto: divulgação)
(foto: divulgação)

A empresa do setor de comércio de molduras Santa Luzia, de Braço do Norte, é finalista do Prêmio Casa Vogue Design 2018, um dos maiores no segmento de arquitetura, decoração e design do Brasil. A empresa disputa com outras seis, na categoria revestimentos. O Prêmio tem nove categorias, com 46 finalistas. Também haverá um vencedor pelo voto popular. A cerimônia de premiação está marcada para 7 de março.

Organizada pela revista especializada Casa Vogue, a premiação elegeu a peça Pirarucu, da coleção Escamas, para representar a empresa na exposição com os finalistas no Museu Belas Artes em São Paulo (SP), aberto para visitação a partir desta semana até 10 de março.

A coleção Escamas, assinada pelos renomados Marcelo Rosenbaum e Fetiche Design, é uma homenagem aos peixes brasileiros, com pequenas peças que se repetem para formar um só tecido. Três modelos de peças a compõem: além do finalista Pirarucu (um losango de 145 mm x 250 mm, há também os revestimentos Aruanã (um hexágono de 230 mm x 260 mm) e Curimba (um paralelogramo de 143 mm x 50 mm). Todas as peças têm quatro opções de cores em tons de cinza.

"Estar entre os finalistas de um prêmio nacional como este é o reconhecimento de um trabalho comprometido com a inovação e o design sustentável", afirma o sócio-diretor da Santa Luzia, Gilberto Luiz Zanette.

A Santa Luzia foi fundada em 1942, sendo uma pequena fábrica de espelhos. Depois passou a fabricar molduras, crescendo rapidamente, até revolucionar em 2002, trocando 98% da matéria-prima inicial, madeira, pela reciclagem de resíduos plásticos como poliestireno expandido (isopor) e poliuretano. A empresa exporta para países como Estados Unidos, Japão, Argentina, Uruguai e Chile.