Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Criciúma arca com metade dos custos do Sarasul

Informação foi dada pelo diretor do CIM-Amrec
Por Vítor Filomeno Criciúma, SC, 09/12/2021 - 11:02 Atualizado em 09/12/2021 - 11:02
Foto: Arquivo/4oito
Foto: Arquivo/4oito

Quer receber notícias como esta em seu Whatsapp? Clique aqui e entre para nosso grupo

Na manhã desta quinta-feira, 09, o diretor do Consórcio Intermunicipal Multifinalitário da Associação dos Municípios da Região Carbonífera (CIM-Amrec), Daniel Spillere, concedeu entrevista ao Programa Conexão Sul. Segundo ele, o município de Criciúma arca com metade dos custos do Serviço Aeromédico, mesmo ele atendendo toda a região Sul.

“O Serviço Aeromédico foi instalado na nossa região de Criciúma em dezembro de 2020. Em 2021, foram 177 atendimentos. São R$ 81.175,66 que a gente paga mensalmente, sendo que a Prefeitura de Criciúma arca com R$ 39.858. Na verdade, a Amrec paga 100%. Basicamente, o helicóptero voa desde Passo de Torres até Paulo Lopes e, eventualmente, ultrapassa até esses limites, indo até próximo a Palhoça e muitas vezes aquela região da grande Florianópolis”, afirmou Spillere.

Nessa quarta-feira, 08, o contrato foi prorrogado por mais um ano. Em 2021, “Essas ocorrências de atendimentos metade foram aqui dentro dos municípios da Amrec e a outra metade foram da Amesc e da Amurel”, lembrou ele.

Copyright © 2021.
Todos os direitos reservados ao Portal 4oito