Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
4

Casamento coletivo em Criciúma será celebrado em outubro

Prefeitura lançou edital para contemplar 40 casais em situação de vulnerabilidade social, em parceria com a rede de supermercados Angeloni
Heitor Araujo
Por Heitor Araujo Criciúma - SC, 23/09/2019 - 15:15
Cerimônia realizada em Forquilhinha (Foto: Divulgação)
Cerimônia realizada em Forquilhinha (Foto: Divulgação)

Foi lançado nesta segunda-feira, 23, o edital para viabilizar o casamento coletivo na rede de supermercados Angeloni, em parceria com a prefeitura municipal de Criciúma, que será realizado no dia 18 de outubro.

O casamento será feito de forma gratuita para 40 casais em situação de vulnerabilidade social, no estacionamento da loja do Angeloni na avenida Centenário. Paulo César Bitencourt, secretário de Assistência Social de Criciúma, falou sobre a criação do evento.

“Nós recebemos uma solicitação da rede Angeloni, que tem realizado esses casamentos coletivos pelo estado de Santa Catarina. Eles gostariam de fazer na cidade deles, fizeram a solicitação para que a gente fosse um facilitador e nós aceitamos. Faz parte da razão da secretaria esse tipo de atividade”, explicou.

A prefeitura vai fazer o cadastro e auxiliar os casais a obterem a documentação necessária. Segundo o secretário, a maior demanda geralmente é referente à segunda via do documento de identidade. O pedido via Cras não é cobrado.

“Nós temos essa relação e o contato com as famílias carentes, em situação de vulnerabilidade social. O edital foi feito para que as primeiras 40 famílias sejam contempladas, para que não haja beneficiamentos e sem que haja discriminação ou segregação", esclareceu Paulo César. Um dos pontos do edital prevê que o casamento seja realizado entre uma noiva e um noivo, o que, segundo o secretário, não exclui a possibilidade de celebrar-se uma união homoafetiva. “Se houver a demanda, vai ser analisado a alteração sim do edital”, prometeu.

Toda a estrutura do evento será bancada pela rede de supermercados. O cartório estará presente, junto com autoridades religiosas, para firmar o casamento. Os casais interessados podem solicitar inscrição no Centro de Referência em Assistência Social (Cras) Cristo Redentor, na rua Maria Cecília Vieira Batista, bairro Cristo Redentor.