Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
CORONAVÍRUS - Saiba mais aqui

Alimentação saudável o ano todo no Infantil da Satc

Alunos aprenderam a se alimentar melhor com o projeto self-service
Redação
Por Redação Criciúma - SC, 16/01/2020 - 21:56
Foto: Divulgação / Satc
Foto: Divulgação / Satc

Frutas, verduras, saladas e um prato colorido para se deliciar. Essa foi a proposta de alimentação saudável do projeto self-service que a turminha do ensino integral da educação infantil Satc participou durante todo o ano.

A iniciativa surgiu com a proposta das crianças terem acesso ao buffet e elas mesmas servirem a comidinha, proporcionando contato direto com os utensílios e alimentos.

"Nós como professores temos o papel de intervir e incentivar a colocar as comidas saudáveis no prato e agregar mais informações sobre alimentação na vida deles", disse a professora Emanuele Toldo.

O cardápio é feito pela nutricionista Bruna Deolindo Izidoro, que prepara o menu para o café, almoço, café da tarde e jantar para a turma que fica o dia todo na escolinha. "É a porta de entrada para um mundo saudável e aprender a se alimentar bem acaba se tornando um hábito", destacou.

Para agregar conhecimento o projeto conta com informações sobre a roda de alimentos (antiga pirâmide invertida) onde o centro é a água, conversa sobre as frutas preferidas, palestra com a nutricionista e degustação de alimentos. A proposta também visa colocar três tipos de cores no prato para torná-lo mais saudável.

"É um trabalho de formiguinha, mas estamos conseguindo ver as modificações aos poucos. Os pais apoiam e falam que tem dado resultado. No fim estamos fazendo mágica para colocar em ordem o processo", ressaltou a professora.

Projeto anual

O infantil trabalha de acordo com o projeto anual da temática da escola, esse ano foi: educar, inovar e transformar vidas. "Colocamos o projeto em prática justamente pelas transformações e deficiência alimentar dos alunos, muito por conta da falta de tempo que os pais têm em cozinhar e também acomodação. É uma adaptação gradativa mas temos a certeza que o programa vai ser levado para a vida de cada um", concluiu a professora.

Amanda no país das vitaminas

O contato com a natureza e a valorização dos alimentos saudáveis também foram frequentes no projeto. Amanda por exemplo foi uma das incentivadoras da alimentação saudável.

Amanda era uma criança linda e esperta, mas que não gostava de comer frutas, verduras e legumes. Até que um dia os alimentos ganham vida e tudo muda. A história da menina é o enredo principal do livro "Amanda no país das vitaminas", do pediatra e escritor Leonardo Mendes Cardoso.

A obra trouxe novos conhecimentos e uma experiência única para as crianças que tiveram oportunidade de conhece-la. Ela mandou vídeos contando um pouco de sua história.

Tags: satc