Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Alan foi bem demais no BBB

Criciumense garantiu o segundo lugar no programa encerrado na sexta-feira
Por Erik Behenck Criciúma - SC, 13/04/2019 - 14:01

Vice-campeão do Big Brother Brasil (BBB), o criciumense Alan Possamai conseguiu ainda escapar de quatro paredões e vencer três provas do líder. Faturou mais de R$ 150 mil e um automóvel. Considerado por muitos como planta, superou as suspeitas de mal comportamento levantadas antes do programa começar.

A final já estava garantida desde terça-feira (9), junto com Hariany. Mas, na véspera da decisão ela acabou sendo expulsa da competição, por ter agredido Paula durante a madrugada, depois de uma festa. Com isso, o terceiro lugar garantido passou a ser segundo, aumentando R$ 100 mil na conta do criciumense.

A final foi contra Paula, que havia voltado de cinco paredões. Parada dura, já que ela era favorita desde pelo menos metade do reality show. O criciumense conquistou 38,91% dos votos contra 61,09% da concorrente, terminando como vice-campeão. Ele foi o melhor participante da história do estado ao longo de 19 edições e disputa foi transmitida ao vivo em um telão no Parque das Nações.

A trajetória

No primeiro paredão, que contou com a presença de 14 participantes, recebeu 8,32% dos votos e ficou. Na quarta semana foi indicado pela votação da casa, recendo 42,93% dos votos do público, superando Diego, o outro catarinense da edição. Isabella foi outra que esteve nessa disputa.

Duas semanas depois, Alan foi indicado por Isabella, que atendeu o big fone, dessa vez recebeu 24,06% dos votos para sair, vencendo a própria participante que havia lhe indicado. Mais duas semanas e o criciumense esteve novamente na berlinda. Nesse último paredão o formato foi diferente, ele acabou salvo com 29,17%, junto com Carolina.

Na 10ª semana o jogo começou a virar a favor de Alan. Venceu a prova do líder que exigia sorte e habilidade. Na última semana de programa, venceu duas vezes a prova do líder, nos dias 83 e 85 de programa. Em ambas indicou Paula, a campeã da edição. Antes, na segunda semana, junto com Rodrigo, havia ganhado a prova do anjo.

O melhor catarinense

Quem acompanha enquetes sobre o favoritismo dos participantes do programa, percebeu que Alan nunca esteve entre os primeiros. Mesmo assim, foi escapando dos paredões e conseguiu chegar à final. Foi o catarinense que chegou mais longe, superando Bruna Maria Tavares, de Taió, que foi 3ª colocada em 2007, porém, ela não disputou nenhum paredão e foi eliminada no primeiro que enfrentou.