Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
CORONAVÍRUS - Saiba mais aqui

Vai começar o 70º Campeonato Regional da Larm

Dez times da região Sul do Estado disputam o título do confronto a partir deste fim de semana
Por Lucas Renan Domingos Criciúma, SC, 01/09/2018 - 12:57
Caravaggio pega o Mesquita e o Turvo enfrenta o Mãe Luzia nos jogos que abrem o regional / Foto: Daniel Búrigo/Arquivo/A Tribuna
Caravaggio pega o Mesquita e o Turvo enfrenta o Mãe Luzia nos jogos que abrem o regional / Foto: Daniel Búrigo/Arquivo/A Tribuna

A partir de hoje, até o mês de novembro, dez times do futebol amador do Sul de Santa Catarina irão disputar a o maior campeonato de futebol amador da Região. Neste sábado, terá o pontapé inicial do 70º Campeonato Regional da Liga Atlética da Região Mineira (Larm), Taça Carvão Mineral. Neste sábado, duas partidas abrem a competição. Amanhã outros três jogos fecham a rodada.

Na busca pelo título estão o atual campeão Araranguá, Caravaggio, Cocal do Sul, Internacional de São Defende, Mãe Luzia, Meleiro, Mesquita, Metropolitano, Turvo e Rui Barbosa, que subiu para a primeira divisão no ano passado.

“Esperamos que seja uma competição de alto nível como sempre foi em todos esses anos que a Larm realiza o regional. Nosso objetivo é proporcionar uma boa competição aos times, mantendo a disciplina entre os adversários e que tudo transcorra bem”, afirmou o presidente da Larm, Emerson Lodetti.

O regulamento do campeonato

A disputa pelo título do Regional da Larm acontecerá em quatro fases. Na primeira as dez equipes formam duas chaves, a A e a B. Na chave A, estão Caravaggio, Cocal do Sul, Internacional de São Defente, Rui Barbosa e Turvo. Na chave B, ficaram Araranguá, Mãe Luzia, Meleiro, Mesquita e Metropolitano.

As equipes da chave A jogarão contra as da chave B, em turno único. Classificam para a segunda fase (quartas-de-final) as oito melhores colocadas em número de pontos ganhos, independente de chave. Na segunda fase, os times são novamente divididos. Ficam quatro chaves de duas equipes cada. Eles jogam em ida e volta e os campeões em cada chave avançam para as semifinais.

De novo os quatro semifinalistas disputam partidas de ida e volta e os campeões chegam a final. O vencedor da competição também será conhecido em dois jogos. O time com o menor número de pontos na primeira fase, será rebaixado.

“Com certeza será bem disputado. O futebol amador da nossa região é o mais forte de todo o Estado. Não é à toa que nos últimos cinco anos, em quatro vezes times daqui foram campeões do Campeonato Catarinense de Futebol Amador”, destacou Lodetti.