Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Vacinação contra a poliomielite somente até sexta-feira

Agentes de saúde estudam instalação de furgão itinerante para vacinação em pontos estratégicos da cidade
Paulo Monteiro
Por Paulo Monteiro Criciúma - SC, 26/10/2020 - 17:23Atualizado em 26/10/2020 - 17:24
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

A campanha de vacinação contra a poliomielite, doença causadora da paralisia infantil, segue somente até sexta-feira, 30, em todo o Brasil. Em Criciúma, cerca de 7 mil crianças já foram vacinadas, mas os agentes de saúde continuam reforçando a necessidade da vacinação para que pelo menos 95% do público alvo seja atendido.

A campanha é destinada a crianças com menos de 5 anos de idade e teve um início preocupante no município. No dia 20 de outubro, cerca de 60% das crianças ainda não haviam sido vacinadas. A procura, no entanto, vem aumentando - e a semana terminou com saldo positivo para os agentes de saúde.

“Nós consideramos essa terceira semana bem produtiva, porque pulamos de uma cobertura de 32%, na última segunda-feira, para 70%. É um aumento bem considerável, a situação não é tão preocupante mas ainda não é o nosso objetivo. Esperamos vacinar mais 3 mil crianças até sexta-feira”, declarou a técnica em enfermagem do setor de Imunização da Secretaria Municipal de Saúde, Kelli Barp Zanette.

A vacinação está sendo feita mediante a procura dos pais, as quais devem levar as crianças até as Unidades Básicas de Saúde (UBS) de Criciúma das 8h às 17h. Apesar disso, os agentes de saúde estão elaborando estratégias juntamente com a Secretaria Municipal para instalar um furgão itinerante de vacinação em outros pontos da cidade.

“Esperamos fechar as autorizações já amanhã para que possamos levar esse furgão para a Praça Nereu Ramos e, também, com a possibilidade de levá-lo ao Parque das Nações, principalmente no horário próximo das 17h, que é um horário que a gente acredita que os pais levem a criança para sair um pouco de casa”, reofrçou.