Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Um fim de semana de verão. E sem praia

Com os termômetros marcando mais de 30°C, expectativa é de bastante gente tomando o rumo do Litoral. Mas é importante se atentar às regras
Sandy Brasil
Por Sandy Brasil Balneário Rincão, SC, 25/09/2020 - 15:59Atualizado em 25/09/2020 - 16:07
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Oficialmente, não tem praia em Santa Catarina nesse fim de semana de calor. "Vai ser um fim de semana típico de verão, tempo bom para os balneários com águas limpas e calmas e temperatura chegando aos 30°C", confirmou o climatologista Márcio Sônego. Ou seja, tempo convidativo para tomar o rumo do litoral. Certo?

Bem, legalmente, hoje, as praias de Santa Catarina estão fechadas, por força de decreto. Assim vale, por exemplo, no Balneário Rincão, onde a medida estadual é seguida à risca. Pela impossibilidade de usar a praia e também de realizar eventos, que seguem vetados por determinação do Governo do Estado, enquanto persiste a pandemia de Covid-19, há pouco o que ser feito. O que se nota é o movimento crescente de moradores que consertam suas casas, promovem as limpezas e vão, ao seu modo, se preparando para o verão que vem aí.

"Para o Natal e Ano Novo, estamos programando a iluminação da cidade, mas não um evento que possa gerar aglomeração", apontou o diretor de eventos da prefeitura do Rincão, Fernando Casagrande. Em Laguna, outro destino importante para os moradores da região, não há programação de eventos. A princípio, Laguna não terá celebrações de Natal, Ano Novo e nem o seu tradicional Carnaval, em fevereiro.

No Rincão, existe a expectativa de alguma alteração no panorama a partir de novembro. "Estamos aguardando, temos reuniões constantes com os conselhos, a Secretaria de Saúde e o Governo do Estado", frisou. O diretor de eventos rinconense está atento, também, aos debates em torno da liberação de eventos.

Enquanto isso, os gestores não apontam preocupação com eventuais lotações nas cidades-balneário nesse fim de semana em função do calor. "O calçadão não está liberado", lembrou Fernando Casagrande. A situação se repete em Laguna, onde no máximo os visitantes podem observar os pontos turísticos, como o antigo casario do Centro histórico.

As rondas de fiscalização estão constantes no Balneário Rincão, para a garantia da atenção à legislação vigente. "Os bares, restaurantes e lanchonetes estão sendo fiscalizados, e vêm respeitando as normas, as medidas protetivas previstas em decreto, como o distanciamento, o uso das máscaras e outras", garantiu Casagrande. 

O fim de semana de calor forte terá predominância no sábado e em parte do domingo. "Vai chegar, no domingo à tarde, uma frente fria com temporal e trovoadas no fim da tarde. A segunda já será com temperaturas mais amenas", completou Sônego. O sábado e o domingo terão máximas próximas dos 32°C.

(Edição: Denis Luciano)