Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Um catarinense a serviço da Fifa

Bráulio da Silva Machado poderá apitar jogos internacionais a partir de 2019
Por Erik Behenck Criciúma - SC, 08/01/2019 - 10:11Atualizado em 08/01/2019 - 10:15
(foto: reprodução)
(foto: reprodução)

O catarinense Bráulio da Silva Machado será árbitro Fifa a partir da temporada 2019. Atualmente ele mora em Tubarão e poderá representar o país em competições internacionais, como a Libertadores e amistosos de seleções. Em entrevista ao Programa Adelor Lessa, revelou detalhes sobre a profissão, falando também sobre as dificuldades encontradas ao longo da carreira.

“O árbitro tem uma vida paralela, a profissão de árbitro já foi aprovada, mas o árbitro não é considerado profissional no meio do futebol. O árbitro ganha por jogo, é bem diferente da realidade dos jogadores, ele tem que pagar o seu fisioterapeuta e a sua academia, já melhorou muito, recebemos bem mais treinamentos”, afirmou.

O Brasil tem direito a dez árbitros no quadro da Fifa. Bráulio está entrando na vaga de Sandro Meira Ricci, que se aposentou. É preciso falar inglês e espanhol para ter direito a uma destas oportunidades. “Eu sonhava ser arbitro e agora sou arbitro do quadro internacional”, comemorou, ainda sem fazer planos para o futuro.

Bráulio da Silva Machado procura não se envolver com clubes, para que a arbitragem possa ser conduzida de forma mais tranquila. Para ele, o árbitro precisa ser visto de outra forma. “Você vai no shopping, alguns pedem para bater foto e outros corneteiam. A gente bate um papo normal, tem que humanizar essa questão do árbitro”, comentou.