Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Thiago Monteiro entra em quadra na Davis

Número 1 do Brasil no Simples busca empate na competição, após derrota de Menezes
Heitor Araujo
Por Heitor Araujo Criciúma - SC, 13/09/2019 - 15:08Atualizado em 13/09/2019 - 15:22
Foto: Luís Candido / CBT
Foto: Luís Candido / CBT

Chegou a vez do número 1 do Brasil no ranking da ATP. Thiago Monteiro faz o segundo confronto da Copa Davis, contra um tenista pouquíssimo conhecido pela equipe brasileira. O adversário, Haydn Lewis, é o número 2 de Barbados, mas atingiu apenas o número 583 na ATP, em 2008. Atualmente, não está ranqueado.

Nesta sexta, Monteiro tem a responsabilidade de empatar o confronto para o Brasil; João Menezes perdeu na estreia para Darian King. O tenista conversou com a reportagem na quinta, após o sorteio dos jogos, e destacou a confiança do time brasileiro. "Eu venho fazendo uma boa temporada, estamos bem preparados e vamos mostrar o nosso comprometimento com o novo capitão. Não carrego peso nas costas por ser o número um, a gente sabe que é um jogo em equipe", afirmou. No US Open deste ano, Thiago foi eliminado na primeira rodada pelo norte-americano Bradley Klahn, 94 da ATP, por 3/0. 

Thiago Monteiro também elogiou a estrutura do Mampituba, sede dos cinco jogos entre Brasil e Barbados. "O clube nos recebeu muito bem e as condições são favoráveis ao nosso jogo.  Vamos aproveitar a energia da torcida e respeitar os adversários", projetou. Mesmo com os ingressos praticamente todos vendidos, o público não lota o Mampituba nessa sexta-feira. As entradas garantem acesso aos dois dias de disputa.

Monteiro elogiou os colegas e visualiza um futuro positivo para o tênis brasileiro."O cenário vem melhorando, conseguimos 4 ou 5 challengers nesse ano, nossa safra vem jogando bem. O pessoal tá se dedicando cada vez mais, buscando fazer um bom trabalho e vamos dar o nosso melhor para voltar ao topo do nível na Copa Davis", finalizou. 

O adverário de Monteiro nesta sexta é desconhecido dos tenistas brasileiros. Haydn Lewis, de 33 anos, comemorou o fato de estar aqui no Brasil. "São todos grandes jogadores, é uma boa oportunidade para mim poder jogar contra atletas desse nível. Está sendo ótimo aqui no Brasil, estamos sendo muito bem tratados e a estrutura aqui é muito boa. Vamos dar nosso 100%", destacou Lewis.

A partida entre Thiago Monteiro e Haydn Lewis deve começar por volta das 15h30.