Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
4

Técnica e interação que fazem alunos aprender matemática brincando

Cocal do Sul oferece o projeto Clubinho da Matemática como opção de aprendizado
Redação
Por Redação Cocal do Sul, SC, 01/04/2019 - 19:50
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Mais de 100 alunos já estão no exercício da mente, raciocínio e preparação para os desafios que envolvem o mundo dos números em Cocal do Sul. Atentos a todos os detalhes e aproveitando todas as oportunidades, de forma lúdica e prazerosa, crianças e adolescentes se dedicam no contraturno escolar, as atividades do Clubinho da Matemática. 

O projeto desenvolvido pela secretaria de Educação, Esporte e Cultura visa trabalhar conceitos matemáticos de forma atraente, fazendo com que os alunos superem seus limites, vençam desafios e alcancem seus objetivos. A iniciativa atende estudantes do 4º ao 9º ano das Escolas Municipais Demétrio Bettiol, Cristo Rei e José Peruchi e engana-se quem pensa ser algo difícil e chato.

"Eu adoro o Clubinho! Participo com prazer. Esse é meu segundo ano. Ao invés de aprender de forma séria, a gente aprende brincando e se divertindo", afirma o aluno Abiner Rodrigues da Silva, 9 anos.

Para o aluno, Guilherme Teixeira, 10 anos, a matemática é um pouco difícil, mas depois que começou a participar do Clubinho, tudo ficou mais simples.  "Eu gosto de matemática e estou aprendendo muito no projeto. Tudo acaba me ajudando em sala de aula. Com certeza será um ano bem produtivo", observa.

O conteúdo é prático e interativo. Conforme a professora Jaqueline do Nascimento Teixeira nesta semana, uma das turmas trabalharam a tabuada com jogos de mesa e dados.

"Nosso objetivo é estimular o aluno para o aprendizado da matemática, e todos conseguem. Temos muitos participantes com dificuldades, mas o segredo está na forma e valorização dada à matemática. Nós utilizamos esta disciplina o dia inteiro. Só precisamos que nossos estudantes compreendam esse universo, observem e se envolvam  com os números", ressalta. 

 O Clubinho da Matemática também é focado na preparação para as Olimpíadas Nacional, Estadual, Regional e Municipal de Matemática.

"No ano passado nossos alunos conquistaram 51 medalhas em Olimpíadas e prêmios de matemática. Nós estamos cada vez mais otimistas com nossos alunos. Todas as nossas iniciativas e resultados colocaram o município no mapa das Olimpíadas de Matemática, conquistando ouro na OBMEP e abrindo inúmeras oportunidades. Este ano, nós também faremos um trabalho bem focado com as turmas do 9º ano. Vamos intensificar a matemática básica para que os nossos estudantes possam ir com bastante conhecimento para o ensino médio e tenham grandes resultados nas provas de seleção", destaca a secretária de Educação, Esporte e Cultura, Ana Paula Cechinel. 

Os alunos interessados em participar do Clubinho de Matemática devem fazer a inscrição na secretaria da sua escola.

Horários do Clubinho da Matemática

Escola Cristo Rei: quartas-feiras, manhã e tarde;

Escola José Peruchi: quintas-feiras, no período da tarde;

Escola Demétrio Bettiol: sextas-feiras, manhã e tarde