Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Semana será de combate ao Aedes aegypti

Objetivo é intensificar ações preventivas de orientação da população
Por Clara Floriano Criciúma - SC, 23/10/2017 - 10:22Atualizado em 23/10/2017 - 10:30

Para conscientizar os moradores sobre os riscos causados pela proliferação do Aedes aegypti, começou hoje, em Criciúma, a Semana Nacional de Mobilização no Combate ao Aedes aegypti, campanha idealizada pelo Ministério da Saúde, através da Sala Nacional de Coordenação e Controle (SNCC). A campanha segue até a próxima sexta-feira (27). O mosquito transmite doenças como dengue, zika vírus e febre chikungunya.

Segundo Natália Reche, coordenadora do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) da Vigilância Epidemiológica de Criciúma, o objetivo da campanha é intensificar ações preventivas de orientação a população. “O principal fator para a proliferação é a disponibilidade de recipiente. Qualquer recipiente que recebe água pode resultar na proliferação do mosquito”, explicou.

Natália contou também que alguns focos do Aedes Aegypti foram identificados em Criciúma. “No mês de setembro tivemos quatro focos, o que não é típico. Temos que nos prevenir, já que o verão está chegando e neste período é mais comum”, alertou.

Confira a programação completa aqui.