Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Sede de GP Brasil em 2021 ainda será definida, diz CEO da Fórmula 1

Chase Carey garantiu, no entanto, que torneio vai ocorrer no país
Por Camila Maciel – Agência Brasil Criciúma - SC, 26/06/2019 - 08:15Atualizado em 26/06/2019 - 08:29
(foto: divulgação)
(foto: divulgação)

O Diretor-executivo (CEO) Mundial da Fórmula 1, Chase Carey, disse que a decisão sobre o Grande Prêmio do Brasil da categoria automobilística ainda será tomada e que está em negociação a cidade-sede do torneio. Ele disse que, neste momento, está engajado em conversas tanto no Rio de Janeiro como em São Paulo para encontrar a melhor solução para a corrida no Brasil. Carey afirmou que o torneio continuará ocorrendo no país.

Também participaram da reunião, o governador de São Paulo, João Doria, o prefeito da capital, Bruno Covas, e o promotor do Grande Prêmio do Brasil de Fórmula 1, Tamas Rohonyi. Carey disse ainda que está priorizando os contratos que vencem esse ano como o com o autódromo de Silverstone (Reino Unido) mas que fará todo esforço para chegar a uma definição rapidamente. Em 2019 e 2020, por contrato, o torneio ocorre no Autódromo de Interlagos, em São Paulo.

“Como vocês podem ver pelo depoimento dele, não há uma decisão tomada da Fórmula 1. Eu lamento frustrar o presidente [Jair] Bolsonaro da interpretação de que 99,5% da decisão está tomada. A decisão não está tomada”, disse João Doria, referindo-se às declarações de Bolsonaro após reunião, segunda-feira (24) em Brasília, com os executivos do campeonato. Doria informou que foi montado um grupo de trabalho com representantes do governo e da prefeitura que irá se reunir com representantes da F1. “ A ideia a priori é planejar 20 anos, como um objetivo, ou seja, de 2021 para os próximos 20 anos do ponto de vista de São Paulo”, disse o governador.

Tags: fórmula 1