Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Pedágios do Sul poderão custar 40% menos

Comissão irá a Brasília buscar mais informações sobre o assunto
Por Erik Behenck Criciúma - SC, 08/11/2018 - 08:20Atualizado em 08/11/2018 - 09:05
(foto: reprodução)
(foto: reprodução)

A implantação das praças de pedágios na BR-101 Sul ganha novos capítulos a cada dia. Na quarta-feira (7) aconteceu uma reunião na Associação Empresarial de Criciúma (Acic), sobre os valores que serão cobrados, a ideia inicial é de que seja até R$ 3,97. Também será emitido um documento sobre o assunto, entregue diretamente na ANTT, como explicou em entrevista ao Programa Adelor Lessa, o prefeito de Siderópolis e presidente da Amrec, Hélio Cesa, o Alemão.

“O ponto principal que a gente percebeu ontem, que o engenheiro Saporiti nos informou, que é muito provável que existe uma competição, então pode haver um desconto de até 40%, é o que estão preparando. Dia 9, que é o dia da ANTT receber as solicitações, não vai parar por aí. Nós vamos também a Brasília, para que a gente consiga avançar, não vamos aceitar isso que a ANTT está querendo impor”, garantiu.

O encontro teve a participação do engenheiro civil Ricardo Saporiti, especialista em BR-101. Alemão falou mais sobre a reunião. “A gente tinha muito pouca informação em relação as planilhas e a ANTT. A gente fez uma comissão de quatro pessoas e resolvemos convidar a Fiesc, que é bem preparada em relação ao planejamento da região Norte, então fizeram também da região Sul”, afirmou.

Confira a entrevista na íntegra: