Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Numerologia em pauta no Avesso

Numerologista Arthur Mrowinski explica como números podem revelar coisas importantes sobre as pessoas
Paulo Monteiro
Por Paulo Monteiro Criciúma, SC, 21/10/2019 - 15:56Atualizado em 21/10/2019 - 16:56
Foto: Amanda Farias / 4oito
Foto: Amanda Farias / 4oito

Uma pseudociência que promete nos revelar quem realmente somos, nossos destinos, realizações, potenciais relações familiares, sexualidade, passado, presente e até mesmo futuro. O Programa Do Avesso recebeu nesta segunda-feira, 21, Arthur Mrowinski, também conhecido como UãM, para falar tudo sobre este estudo que é a numerologia.

Consolidada como o estudo dos símbolos que cada número representa, a numerologia surge para explicar a influência de números e datas sobre nosso destino e determinadas ações. “Quando você faz a abertura de uma empresa, por exemplo, a data de abertura influência no contrato e a razão social também”, diz Arthur, afirmando que muitas pessoas consultam um numerologista antes de abrir a própria empresa.

Segundo o numerologista, a grande maioria de suas clientes são mulheres que, diferente dos homens, que costumam procurá-lo por uma questão profissional, buscam por um profundo autoconhecimento.  “O mapa numerológico traz o entendimento do primeiro ciclo de vida, que fala sobre o passado e as relações familiares. Fala também sobre o presente e prepara para o futuro”, explica.

Segundo o numerologista, as crises das idades, que tanto atingem as pessoas de 30, 40, e 50 anos, podem ser explicadas por esta pseudociência. Arthur afirma que as crises acontecem porque somos regidos por 14 números ao mesmo tempo e, em algumas épocas da vida, essas vibrações mudam e dão lugar às crises.

“Normalmente quem está em crise a vida inteira é porque está vivendo fora do acordo evolutivo, fora do seu mapa. Tem gente que veio para ser músico e resolve ser presidente de um país, e isso não funciona. É aquela coisa, ‘não escolha a sua profissão por dinheiro, e sim pelo que sente’, porque o que você sente é o seu mapa numerológico. Você se coloca numa crise quando você sai do seu destino”, ressalta UãM, afirmando que o destino de cada pessoa já está traçado e que não há como alterá-lo.

A numerologia nos diz que a vida humana é composta de ciclos que são divididos de nove em nove anos. Além disso, o estudo mostra também que o ano pessoal de cada pessoa é composto por uma soma entre sua data de nascimento, mês e ano atual, em que cada ano representa uma fase da vida - inícios e fechamentos de ciclos.

Segundo UãM, não há nada que a numerologia não possa explicar. “A numerologia explica tudo, fala de todos os aspectos da vida. A numerologia tem uma profundidade de informação e traz exatidão, verdade e riqueza de detalhes. Quando as pessoas me procuram para fazer mapa, eles querem saber como funciona a numerologia e muitas acham que é uma adivinhação. Na verdade, nossos nome e data de nascimento foram escolhidos à dedo, justamente para que no decorrer da sua vida você tivesse essas informações precisas”, diz Arthur.

Apesar de afirmar que todos temos um destino, a numerologia preza pelo livre arbítrio do ser humano e mostra que há vários caminhos a serem escolhidos - mas que todos levam ao mesmo destino.

 “Passamos por um ano de 2019 de muita destruição. Máscaras foram tiradas, muros foram derrubados e muitas coisas começaram a aparecer. Essa luz que chega no planeta é uma luz que vai começar a reconstruir uma humanidade, saindo da era do eu e nos preparando para a era do nós, do compartilhamento”, conclui Arthur.