Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
4

Marinheiro sem Waguinho e o vôo do Brusque: a preparação das equipes para o estadual

Bruscão tem reforços de Série B, enquanto Marcílio Dias e Juventus apostam em base da Copa Santa Catarina
Heitor Araujo
Por Heitor Araujo Brusque, SC, 09/02/2021 - 18:15
Brusque foi campeão da Série D em 2019 (Arquivo / Lucas Gabriel Cardoso / Brusque FC)
Brusque foi campeão da Série D em 2019 (Arquivo / Lucas Gabriel Cardoso / Brusque FC)

Enquanto os clubes envolvidos nas competições nacionais, como o Brusque, têm menos tempo de preparação para o Campeonato Catarinense, outros utilizaram a Copa Santa Catarina como uma testagem para o estadual, em meio à "pré-temporada". É o caso do Juventus de Jaraguá, que surpreendeu o Estado ao chegar na semifinal do Catarinense do ano passado.

Em um cenário emergente em Santa Catarina, os dois clubes citados juntam-se ao Marcílio Dias naquele hall dos não considerados grandes no cenário Catarinense, mas que já olham para a parte de cima na tabela de classificação. O Brusque foi ainda mais longe e iniciou em 2019 uma ascensão no cenário nacional, saltando da Série D para a Série B, e mais do que uma classificação às quartas de final do estadual, pode até mirar o título da competição. 

Conversamos com repórteres de Brusque, Jaraguá do Sul e Itajaí sobre a pré-temporada e a preparação dos três clubes para o Campeonato Catarinense. Confira. 

Brusque - com informações do repórter Rodrigo Santos, de Brusque

Do time titular da Série C, o Brusque perdeu apenas o lateral-direito João Carlos, de saída para o Londrina. Ao todo, 11 jogadores foram liberados pela diretoria após o acesso na competição nacional.  Reforços chegaram para o Catarinense e a Série B: o zagueiro Sandro, ex-Criciúma, entre eles. 

Ao todo, seis novos jogadores foram anunciados e a expectativa é ampliar a lista, com a possibilidade de contratação do lateral direito Toty e o volante Tinga, ambos ex-Santa Cruz. Dentre os nomes anunciados estão o lateral-esquerdo Alex Ruan, ex-Brasil de Pelotas, e o volante Nonato, ex-Figueirense. 

Os trabalhos de pré-temporada do atual vice-campeão Catarinense, comandado pelo técnico Jerson Testoni, iniciaram-se no dia 1º de fevereiro. Júnior Pirambu, destaque na reta final da Série C, jogará o Catarinense por empréstimo, enquanto o atacante Edu conclui a recuperação de uma lesão que o tirou do final da temporada passada, com o retorno previsto para maio deste ano. 

A estreia do Brusque no Catarinense será contra o Marcílio Dias, no Gigantão das Avenidas, em Itajaí. Na 5ª rodada visitará o Tigre no Heriberto Hülse, enquanto o Próspera será o adversário na última rodada da primeira fase, no estádio Augusto Bauer.

Juventus - com informações do repórter Henrique Porto, de Jaraguá do Sul

O Juventus surpreendeu no ano passado e foi semifinalista do Campeonato Catarinense, sendo eliminado pelo Brusque. Em Jaraguá do Sul, na preparação para o estadual deste ano, os treinos voltaram no dia 3 de fevereiro, após receber dias de folga com o término da Copa Santa Catarina. A estreia é contra o Avaí, em Florianópolis, no dia 24 de fevereiro.

A Copa Santa Catarina foi uma espécie de "pré-temporada de luxo" para o técnico Raul Cabral. A base do elenco que disputou a competição deve ser mantida, com três reforços - zagueiro, lateral direito e meia armador - podendo chegar nos próximos dias. 

Saíram do clube o zagueiro Felipe Gregório e o meia Marlon, reforços do Figueirense para o Catarinense. 

O Juventus será o adversário do Tigre na 2ª rodada do Catarinense, em jogo no estádio João Marcatto. Enfrenta o Próspera na 8ª rodada, no estádio Heriberto Hülse. 

Marcílio Dias - com informações de Cacá Oliveira, do Esporte Campeão

Waguinho Dias deixou o clube após a eliminação surpreendente na semifinal contra o Concórdia na Copa Santa Catarina, depois de terminar na liderança a primeira fase da competição. A saída do técnico, cujo contrato não foi renovado sob a alegação de alto custo, não foi bem aceita pela torcida do Marinheiro.

Na Copa Santa Catarina, o Marinheiro manteve a base que fez boa campanha no Campeonato Catarinense e na Série D, quando foi eliminado nas quartas de final para o Altos, do Piauí. 

Com a saída de Waguinho, o auxiliar Teco assumiu o comando interino da equipe nas atividades de preparação para o Catarinense. Dois reforços foram anunciados: o goleiro Victor Hugo, para compor o elenco, e o meia João Henrique, ex-Criciúma. 

O Marcílio estreia no Catarinense em casa contra o Brusque; também no Gigantão recebe o Próspera na 3ª rodada e o Tigre na 8ª rodada.