Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Kaike ressalta disputa intensa na Série C e projeta confronto para manter o Criciúma no G-4

O Criciúma segue no G-4, grupo que garante vaga para a segunda e decisiva parte da competição.
Redação
Por Redação Criciúma, SC, 17/10/2020 - 21:12
Foto: Caio Marcelo
Foto: Caio Marcelo

Já foram 10 rodadas disputadas e mais da metade da primeira fase da Série C do Campeonato Brasileiro. No Grupo B, o Criciúma segue no G-4, grupo que garante vaga para a segunda e decisiva parte da competição.

O foco é um só, o acesso. É o que garante o lateral-esquerdo Kaike, do Tigre. Titular da equipe, o jogador disputa pela primeira vez na carreira a Série C e destaca o equilíbrio da competição. “É a minha primeira experiência no campeonato e deu para perceber que os jogos são sempre disputados, independente se você vai jogar com o primeiro ou o último colocado. Não existe jogo tranquilo. Agora que estamos chegando na reta final, as partidas ficam ainda mais disputadas. Qualquer bobeira pode custar caro e não queremos passar por essa situação, por isso cada jogo tem que ser com 100% de intensidade em campo para conseguirmos essa classificação”, ressaltou o atleta, que já vestiu a camisa do Internacional, Paraná, Sampaio Corrêa e América-RN.

No domingo (18), às 16h, o Tigre enfrenta fora de casa o Boa, clube que está na zona de rebaixamento do Grupo B. “Não vamos nos enganar pela situação do Boa, a gente sabe que eles estão em um momento mais complicado, mas é por isso mesmo que precisamos ter atenção redobrada. Com certeza os jogadores que estão lá vão correr ainda mais para tirar o time lá de baixo. Temos que aproveitar os espaços que eles vão deixar e jogar com inteligência para sair com a vitória. É muito importante que a gente consiga se manter no G-4”, finalizou.