Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Jair Alexandre (PL) e Gustavo Colle (PSD) fazem balanço de atividades

Os vereadores de Criciúma foram entrevista no programa Adelor Lessa desta sexta-feira, 26
Por Redação Criciúma - SC, 26/11/2021 - 12:10
Foto: Arquivo / 4oito
Foto: Arquivo / 4oito

Quer receber notícias como esta em seu Whatsapp? Clique aqui e entre para nosso grupo

Os vereadores de Criciúma, Jair Alexandre (PL) e Gustavo Colle (PSD) foram entrevistados no Programa Adelor Lessa desta sexta-feira, 26. A conversa teve como principal objetivo destacar ações feitas durante o tempo de mandato já exercido até novembro de 2021, bem como projetos de lei que foram sancionadas pela gestão municipal.

Na presidência da Frente Parlamentar do Terceiro Setor e da Comissão de Fiscalização, Controle e Orçamento, Jair Alexandre tem trabalhado no apoio às Organizações Não Governamentais (ONG’s), que possuem dificuldades em se manter. “Muitas não têm condições de ter um contator ou um advogado e isso é necessário. Queremos ajudar em grandes passos para que futuramente possam ter convênios com o Governo Municipal, Federal e Estadual”, disse o vereador. 

Entre os Projetos de Leis (PL’s) criados por Alexandre a sancionados por Salvaro, estão: Maio Laranja em combate a exploração infantil no calendário oficial do município, comemoração dos dias dos pais e das mães nas escolas municipais, além de templos religiosos considerados atividades essenciais em meio a pandemia do coronavírus 

O  Suplente do PSD Gustavo Colle, assumiu no dia 3 de novembro, por 45 dias, tem como destaque o PL que pune empresas que cobram empréstimos indevidos a aposentados e pensionistas, que foi protocolado nesta segunda-feira, 26. Segundo ele, os bancos depositam um valor na conta do consumidor sem autorização prévia, cobrando o pagamento depois. Foi a situação de uma agência bancária de Criciúma, que recebeu a multa de R$ 1 milhão de reais. 

"Achamos que com essa multa, as agências não continuarem investindo nessa prática, mas não foi o que aconteceu. Os idosos estão sendo roubados e tendo suas assinaturas fraudadas”, destacou frisando que já articula uma conversa com o presidente da Câmara de Vereadores, Arleu da Silveira, para que o PL seja colocado em plenário o mais rápido possível para votação. 
 

Copyright © 2021.
Todos os direitos reservados ao Portal 4oito